Um das únicas boas notícias, segundo estudiosos de Nostradamus, é que em 2018 a medicina avançará ao ponto das pessoas viverem até os 200 anos de idade. Para alguns, significa apenas que uma pessoa de 80 anos aparentará ter 50, e as outras previsões eclipsam qualquer um dos casos.

2018 é o começo do fim

As outras centúrias de Nostradamus que dizem respeito ao ano de 2018 falam de um dos piores anos na história da humanidade, com uma série de desastres naturais, o início da 3ª Guerra Mundial e a derrocada total da economia.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Política

Vejamos algumas:

1. Terceira Guerra Mundial

No livro Les Propheties há uma quadra de Nostradamus que alguns estudiosos interpretam como o início da Terceira Guerra Mundial. Está escrito: “A grande guerra começará na França e toda a Europa será atacada, será longa e aterradora para todos e, finalmente, haverá paz, mas apenas alguns irão apreciá-la”, e, ainda, “Uma guerra começará entre as duas grandes potências mundiais e vai durar um período de 27 anos”.

2. Grande Erupção do Monte Vesúvio

De acordo com essa previsão, o vulcão italiano de 1.281 metros responsável pela destruição de Pompéia (em 79 d.C.) vai “sacudir a terra a cada cinco minutos” e cerca de 6.000 pessoas serão mortas. Em 2016, milhões de pessoas que vivem em Nápoles foram alertadas que estão na zona de perigo do vulcão – que pode entrar em erupção [VIDEO] a qualquer momento. Um ano depois, turistas foram afetados por um grande incêndio no vulcão ainda adormecido. A última grande erupção do Vesúvio foi em 1944, deixando um saldo de 28 mortos e muita destruição;

3. Terremoto terrível

Há interpretações de uma quadra dizendo que “Um terremoto deve atingir particularmente a área ocidental dos Estados Unidos. Seu poder deve ser sentido em terras de todo o planeta”. Tanto a Falha de Santo André quanto a Zona de Subducção Cascadia, segundo geologistas, estão atrasadas em seus respectivos ciclos de grandes terremotos de magnitude 8 ou acima;

4. Choque de asteroide ou cometa

“Um momento de grande violência coincidirá com a aparição de um cometa no céu.

Um terrorismo nuclear [VIDEO] e catástrofes naturais destruirão nosso planeta”, é outra quadra interpretada, apesar de não haver detalhes sobre a extensão da suposta destruição;

5. Colapso econômico

De acordo com Nostradamus, “Os ricos morrerão muitas vezes”. Muitos interpretam essa frase como um colapso econômico devido às catástrofes naturais e à Terceira Guerra Mundial.

Outras profecias de Nostradamus

Para 2018, o vidente também previu que os humanos falarão com os animais, irão acabar as diferenças de idiomas, pessoas precisarão de licença para ter filhos, um dos grandes nomes da Igreja Católica morrerá, o presidente dos EUA cairá, haverá grandes incêndios, não haverá mais impostos no ocidente e avanços na medicina proporcionarão 200 anos de vida às pessoas.

Os mais céticos afirmam que as profecias de Nostradamus estão erradas em mais de 50% dos casos, o que mesmo os seus defensores mais fervorosos admitem ou preferem ignorar. O fato é que as previsões do médico e astrólogo francês Michel de Nôtre-Dame (1503-1566) só podem ser confirmadas, claro, após seus supostos acontecimentos.

Linguagem vaga e ambígua

Entre as suas previsões mais conhecidas estão a ascendência de Napoleão, Hitler (chamado de Hister pelo vidente), o ataque às torres gêmeas e o ISIS. Como previu a Terceira Guerra Mundial durando 27 anos, alguns estudiosos de Nostradamus acreditam que esta já iniciou em 1999, uma rara referência de data precisa em suas quadras falando sobre destruição.

Tida por muitos como um dos erros do vidente, defensores dessa teoria acreditam que, de alguma forma, já estamos passando pela Terceira Guerra Mundial que acabará em 2026. Os mais céticos dizem que estão todos errados, argumentando que os escritos de Nostradamus foram propositalmente apresentados em uma linguagem obscura, vaga e ambígua. A “desculpa” de perseguição da igreja contra “adivinhos” e bruxas seria apenas o subterfúgio para os artifícios em suas obras.