7 comportamentos comuns de uma masculinidade tóxica

Os exemplos de masculinidade tóxica são presenciados por homens desde a infância. (Reprodução: Max Pixel/Creative Commons Zero)
Os exemplos de masculinidade tóxica são presenciados por homens desde a infância. (Reprodução: Max Pixel/Creative Commons Zero)

Recentemente um comercial da marca Gillette levantou a discussão sobre o comportamento masculino na sociedade.

Um comercial da Gillette causou uma grande repercussão recentemente. A peça tinha como objetivo apresentar situações que eram tidas como "normais" na sociedade, mas que agora estão começando a ser combatidas. A mensagem do filme era voltada aos homens que são o público alvo da marca.

A peça levantou novamente a discussão sobre comportamentos de masculinidade tóxica e muitos homens acabaram se sentindo pessoalmente ofendidos e chegaram a ameaçar um boicote à marca. Em meio ao comercial são abordados assuntos como assédio sexual, violência, bullying, entre outras.

1

O estigma de que 'Menino não chora'

A frase é comumente dita para crianças, principalmente quando elas estão tristes com alguma situação. Isso acaba construindo uma situação em que os homens repreendem suas emoções, o que pode ser prejudicial a longo prazo.

2

'Garotos tem que brigar'

A resolução de conflitos com base na força é outro estigma construído pela sociedade desde a infância. O masculino sempre é demonstrar força e conseguir o que quer por conta disso, mesmo que não exista o consentimento da outra parte. Isso acaba criando posturas autoritárias entre os homens.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo