Logo ao ser lançado no Brasil, participar do "Big Brother Brasil" se tornou a meta de diversas pessoas, afinal, com carisma, esforço e uma pitada de sorte é possível conquistar milhares de fãs, dinheiro e fama em troca de se expor e permanecer confinado na casa mais vigiada do Brasil por meses.

Embora pareça uma oportunidade excelente a primeira vista, algumas pessoas questionam se realmente vale a pena o "BBB", afinal, ser gravado ao longo de todo o dia, tendo todas as suas ações e falas expostas ao público não é uma situação fácil ou confortável. Além disso, ainda há a possibilidade de ser eliminado e perder tudo.

'BBB20' e as diversas premiações

Se é um bom negócio ou não depende da pessoa, para uns sim, para outros não parece ser a melhor das oportunidades, porém, algumas pessoas não têm conhecimento de que mesmo que os participantes não cheguem a reta final do reality e sejam eliminados, eles não saem de mão abanando do "BBB20", e todos ganham alguma coisa ao se tornar um ex-BBB. De acordo com informações do blog do Fefito, da rádio Jovem Pan, a cada semana que os brothers permanecem no game eles recebem um cachê, entre outras quantias que podem vir com a permanência.

De acordo com informações apuradas pelo blog, na edição passada (2019), por exemplo, cada um dos brothers recebeu quinhentos reais por cada uma das semanas que se manteve no confinamento e no game.

Desta forma, os finalistas da edição passada, 19ª edição do "BBB" (Alan, Carol e Paula) receberam quatro mil e quinhentos reais apenas por permanecerem no reality até o final (ao todo, 9 semanas na casa mais vigiada do Brasil). Além disso, um outro mimo para todos os participantes é que na 19ª edição todos os brothers assinaram um contrato de exclusividade de 6 meses com a Rede Globo, e assim ganharam um salário mínimo a cada mês.

1.000 reais a cada volta do paredão do 'BBB'

Ir para o Paredão pode parecer uma situação ruim a primeira vista, afinal, é estar bem próximo de sair do "Big Brother Brasil" e literalmente ficar na berlinda. Porém, na realidade pode não ser tão ruim quanto parece. Ainda de acordo com a Jovem Pan, cada vez que um dos participantes da 19ª edição venceu um dos paredões que disputou recebeu mil reais por cada uma das vitórias.

Quando se trata das premiações destinadas aos finalistas, também há prêmios e dos mais desejados. A terceira colocada de 2019, Carol Peixinho recebeu cinquenta mil reais; já o vice-campeão da edição, Alan, embolsou cento e cinquenta mil reais, e a campeã Paula, como já é tradição, conquistou o prêmio de um milhão e meio de reais.

Ainda de acordo com a Joven Pan, não se tem fontes certeiras em relação aos valores pagos para os participantes da 20ª edição do "BBB". Entretanto, o que se teve confirmação da própria direção do "BBB" é que ao contrário do que se especulava antes da edição de 2020 ter início é que os participantes do Camarote (famosos) receberam a mesma quantia em dinheiro que os participantes do Pipoca (anônimos), e que mesmo que personalidades como Manu Gavassi, Pyong ou Bianca Andrade tenham diversos seguidores e muita influência fora da casa, não receberam nada a mais por serem famosas.

De ex-BBB para influenciador digital

Além dos valores em reais, o "BBB" já é conhecido pela distribuição de diversos prêmios que fazem toda a diferença na quantia final que o participante pode levar, como, por exemplo, carros, motos e cartões com valores referentes a dinheiro, que podem ser conquistadas por quem vencer provas dentro do programa. E uma outra forma de ganhar dinheiro com o "BBB", e que já tem sido almejada por diversos dos participantes que entram no "BBB", é a fama. Diversos ex-BBBs ganham uma quantia alta com anúncios e publicações patrocinadas, afinal, após o "BBB" diversas marcas querem fechar contratos para aparições em eventos ou presenças vips, já que muitos se tornam verdadeiros influenciadores digitais e faturam bastante com esta profissão.

Siga a página Fofocas
Seguir
Siga a página Televisão
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!