Um recorde um tanto inusitado foi alcançado no último dia 21 de setembro, quando o inglês Max Stanford, de 33 anos, conseguiu comer 141 unidades de biscoito Oreo em apenas cinco minutos. A artimanha ocorreu no The George Pub and Grill, localizado em Stockton-on-Tees, no condado de Durham, na Inglaterra, e foi idealizada pelo dono do local, Craig Harker. Segundo Harker, a ideia foi baseada no tradicional programa norte-americano Man v. Food, onde Adam Richmann, apresentador da atração, consome enormes quantidades de comida em um curto espaço de tempo. Fã da atração, Craig Harker já é conhecido na Europa por promover vários desafios como este em diversos locais do Reino Unido.

Bastante empolgado, o vencedor, Max Stanford falou sobre a conquista no Instagram onde também exibiu o antes e o depois de todas as bolachas recheadas consumidas, bem como imagens dele no momento da prova.

Até então, o recorde era de Jonathan Clarke, que durante os mesmos cinco minutos consumiu 78 biscoitos. "Agora estou vendo se posso conseguir marcar o recorde oficial no Guiness Book, o livro dos recordes", declarou. Ele ganhou 150 libras pela façanha e a técnica que utilizou para desbancar seus concorrentes foi colocar na boca duas bolachas recheadas de uma vez e dar somente uma mordida.

Disputa acirrada

Durante a realização da prova, Max Stanford, que é jogador, contou com uma grande tigela embebida com leite e um copo de água.

Ali, ele molhava os biscoitos para que a mastigação e o processo de engolir fossem mais fáceis de serem realizados. Ele disputou o primeiro lugar com o já competidor neste segmento Kyle Gibson, que assumiu o segundo lugar com o consumo de 137 bolachas, e o taxista John Dawes, que ficou em terceiro lugar e comeu 81 biscoitos.

"O leite e a água foram deixados à disposição dos competidores porque estes biscoitos são mais secos e mais difíceis de comer. Então os líquidos tornam-se facilitadores neste processo", explicou o organizador Craig Harker.

Feliz com a repercussão do evento, Harker acredita que este tipo de prova tem gerado cada vez mais interesse no Reino Unido.

Por conta da pandemia da Covid-19, no entanto, as provas tiveram que ser adaptadas e o público limitado. Mesmo assim, Craig prevê provas semelhantes a esta nos próximos meses em diferentes locais do Reino Unido.

O biscoito Oreo foi criado em 1912, pela Nabisco, e era comercializado em uma elegante lata dourada com tampa de vidro. Inicialmente o recheio era formulado com gordura de porco e, atualmente, o mesmo é composto de gordura vegetal não hidrogenada, essência de baunilha e açúcar.

Siga a página Tendências
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!