Começa nesta segunda-feira (27) a liberação dos recursos do auxílio emergencial às poupanças digitais da Caixa Econômica Federal (CEF). Quem não recebe o Bolsa Família e não possui conta em outro banco já recebeu o depósito.

Essa liberação segue um rito. Tudo depende do mês de nascimento do beneficiário. Esse calendário será cumprido até o dia 5 de maio, promete o banco.

Se o beneficiário não teve o saque liberado, mas o dinheiro está depositado na poupança digital, o dinheiro pode ser usado digitalmente. O pagamento de faturas e contas é um exemplo para o uso do recurso nessa modalidade. Também é possível fazer a transferência para contas de outras instituições bancárias.

Os limites estabelecidos para a movimentação dos recursos vale apenas para quem recebe o auxílio via poupança digital Caixa. Quem indicou uma conta bancária ou preferiu substituir o recebimento do Bolsa Família pelo auxílio emergencial não encontra restrições ao saque.

Calendário de pagamento

A Caixa encontrou no cronograma de pagamentos, uma forma de evitar tumultos nas agências bancárias, pois isso expõe os trabalhadores e os funcionários aos riscos do novo coronavírus. O banco avisa também que as casas lotéricas estão aptas ao pagamento.

Hoje, dia 27 de abril, vão receber o benefício aqueles que nasceram em janeiro e fevereiro. Na terça-feira (28) os nascidos em março e abril entram na fila para o resgate do auxílio emergencial.

Já a quarta-feira (29) é reservada aos trabalhadores nascidos em maio e junho para o recebimento do auxílio emergencial, que começa nos 600 reais e pode chegar até 1.800 reais para algumas categorias estabelecidas pelo governo.

A quinta-feira, dia 30, é para quem nasceu em julho e agosto receber o recurso.

Na sexta-feira, há o feriado reservado ao Dia do Trabalho, logo os pagamentos não serão efetuados. Na segunda-feira, dia 4 de maio, há o pagamento para os nascidos em setembro e outubro. Na terça-feira, dia 5, os nascidos em novembro e dezembro recebem o auxílio emergencial.

Os saques do auxílio

Os beneficiários podem sacar o auxílio nos caixas eletrônicos e casas lotéricas.

Não há a necessidade do cartão, contudo o trabalhador precisa pedir o saque por intermédio do aplicativo Caixa TEM, que recentemente passou por atualização para evitar instabilidades quando muitos usuários acessarem simultaneamente o sistema.

O auxílio emergencial é uma forma de ajudar os trabalhadores na manutenção das famílias no momento em que a economia brasileira foi sensivelmente atingida pela pandemia do novo coronavírus. Muitos eram trabalhadores informais e dependiam do movimento comercial, que em muitas cidades brasileiras foi interrompido pela covid-19.

Siga a página Coronavirus
Seguir
Siga a página Jair Bolsonaro
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!