Paulo Henrique Ganso deverá ser, realmente, o principal reforço do Fluminense em 2019. Por detalhes para ter a sua contratação oficializada (aguarda somente a liberação do Sevilla), o meia vem conversando diariamente com Fernando Diniz, técnico do Tricolor das Laranjeiras, sobre a forma de como o time irá atuar no início da temporada, deixando todos mais otimistas quanto a um desfecho positivo.

Mesmo o Fluminense tendo muita cautela para confirmar oficialmente, o clube já trabalha na apresentação de Paulo Henrique Ganso.

Caso o Sevilla dê o esperado sim, a diretoria já planeja levar o novo camisa 10 ao Maracanã e levá-lo ao torcedor momentos antes do confronto de sábado, às 19h (de Brasília), diante do Volta Redonda, válido pela rodada de abertura do Campeonato Carioca.

Houve duas reuniões recentes entre o empresário de Paulo Henrique Ganso, Giuseppe Dioguardi, e os dirigentes do Fluminense. Na sexta passada, ele esteve junto com o presidente Pedro Abad, o vice de Futebol Fabiano Camargo e o diretor-executivo Paulo Angioni.

Na última segunda, o agente se encontrou somente com Angioni.

Durante as reuniões, o Fluminense apresentou o quanto dispunha de salário e Dioguardi ficou de levar a informação ao Sevilla, que, a princípio, queria um empréstimo de seis meses, mas acabou sendo convencido de aceitar ceder o meia por uma temporada inteira.

Questionado se a vinda de Ganso iria gerar um descontrole nas finanças do clube, Paulo Angioni assegurou que tudo vem sendo feito dentro do planejamento estabelecido pelo presidente Abad.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol PaixãoPorFutebol

"O Ganso é uma situação tranquila para nós. Se vier, será em uma situação bem confortável. O interesse da presidência é cumprir o compromisso assumido. É óbvio que o Ganso é caro, mas o Fluminense está trabalhando em cima do seu limite", disse em entrevista concedida à Rádio Globo no domingo.

Ganso autoriza busca por moradia no Rio

Outro indício de que, de fato, Ganso está a caminho é o fato de que ele já autorizou o seu staff a procurar um apartamento no Rio de Janeiro.

A expectativa é de uma solução até, no máximo, quinta-feira.

Emprestado pelo Sevilla ao Amiens, da França, Ganso, no final de 2018, recebeu, por parte dos dois clubes, a autorização, para buscar uma equipe no Brasil e atuar por empréstimo e, desde então, vem negociando com a equipe das Laranjeiras.

Além de Ganso, o Flu busca outro meia experiente: Nenê, jogador com passagens por Santos, Palmeiras, Paris Sanit-Germain (França), West Ham (Inglaterra), Vasco e que, no momento, é reserva do São Paulo.

Até o momento, a agremiação carioca trouxe o goleiro Agenor, o lateral-direito Ezequiel, o zagueiro Matheus Ferraz, o volante Bruno Silva, o apoiador Caio Henrique e os atacantes Yony Gonzalez, Matheus Gonçalves e Luiz Felipe.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo