No final da manhã desta terça-feira (5), o Fluminense apresentou, de forma oficial, o zagueiro Nino. Usando a camisa 33, o defensor estava acompanhado por Paulo Angioni, diretor-executivo de Futebol do Tricolor, além de um sócio-torcedor.

Durante entrevista coletiva ocorrida após o treino realizado no CT Pedro Antônio, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio, Nino não escondia a satisfação e, inclusive, lembrou que, em determinado momento, quase desistiu da carreira.

"Sou de Recife. Saí de lá muito cedo para jogar no Mogi Mirim, em São Paulo. Pensei em desistir. Já tinha colocado na minha cabeça. Se não fosse meu pai, o apoio da minha família e Deus na minha vida, hoje, eu não estaria aqui", resumiu o atleta, que também falou sobre as suas principais características.

"Jogador técnico, com uma boa velocidade, mas que se entrega, com raça e com vontade. A torcida pode esperar isso de mim", explicou

Emprestado pelo Criciúma até o final de 2019, Nino vinha treinado há cerca de duas semanas, mas demorou a ser apresentado por conta de questões burocráticas.

Ele é o 11º reforço contratado pelo Tricolor na temporada, juntando-se aos goleiro Agenor, lateral-direito Ezequiel, zagueiros Matheus Ferraz e Léo Santos, volantes Bruno Silva, Allan e Caio Henrique, meia Paulo Henrique Ganso e atacantes Matheus Gonçalves e Yony Gonzalez.

Precavido, Flu tira Léo Santos de confronto diante do Ypiranga-RS

O Fluminense tem um desfalque de última hora para o importante jogo de quarta-feira, às 21h30 (de Brasília), no Maracanã, contra o Ypiranga-RS, válido pela segunda fase da Copa do Brasil.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol PaixãoPorFutebol

Por precaução, o Tricolor resolveu sacar o zagueiro Léo Santos do confronto. Digão e Matheus Ferraz formarão a dupla defensiva do time carioca.

A cautela da equipe das Laranjeiras se dá porque Léo Santos foi inscrito pelo Corinthians na competição e, mesmo não tendo entrado em campo, fez parte dos relacionados em duas partidas do Alvinegro de Parque São Jorge. O Flu fará uma consulta à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) para saber da possibilidade de inscrevê-lo no torneio.

Vale ressaltar que Léo Santos, que veio por empréstimo de um ano, não terá condições de defender o Fluminense na Copa Sul-Americana por também ter sido inscrito pelo Corinthians e, na competição internacional, a Conmebol não permite mudanças nas listas dos clubes participantes.

Nem Fluminense nem Ypiranga têm qualquer tipo de vantagem. Sendo assim, ocorrendo empate ao final do tempo regulamentar, o classificado para enfrentar, na próxima fase da Copa do Brasil, a Luverdense-MT será definido nos tiros livres da marca de pênalti.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo