Uma excelente notícia para o torcedor do Fluminense. Nesta sexta-feira (29), o departamento médico do clube informou que Pedro está liberado para treinar com o restante do elenco. A partir de agora, ele fará um trabalho de recondicionamento físico para estar apto a ser relacionado pelo técnico Fernando Diniz. Com isso, permanece o final de abril como sendo o prazo de retorno aos gramados do camisa 9.

Pedro não atua desde o segundo semestre do ano passado, quando, durante a derrota de 2 a 1 para o Cruzeiro, no Mineirão, pelo Campeonato Brasileiro, sofreu um estiramento ligamentar no joelho direito.

Publicidade
Publicidade

Na ocasião, ele também havia sido convocado para dois amistosos da Seleção Brasileira, mas, com a lesão, acabou sendo cortado pelo técnico Tite. Notícias vindas da Europa dão conta que o Real Madrid, da Espanha, vem monitorando a situação do atleta e, dependendo do seu rendimento ao voltar a campo, pode fazer uma proposta ao Fluminense.

Na expectativa por Pedro, o Fluminense se prepara para o compromisso de quarta que vem, às 19h15 (de Brasília), no Parque das Emas, em Lucas do Rio Verde, interior de Mato Grosso, contra a Luverdense, o primeiro entre ambos pela terceira fase da Copa do Brasil.

Pedro próximo de retornar ao Fluminense (Divulgação/Lucas Merçon/Fluminense)
Pedro próximo de retornar ao Fluminense (Divulgação/Lucas Merçon/Fluminense)

Aírton desfalca o Flu por prazo indeterminado

Se Pedro está voltando, o técnico Fernando Diniz perdeu uma outra grande importância peça de seu elenco. Depois de ser substituído no Fla-Flu com dores na coxa, o volante Airton passou por exames médicos no fim da tarde da última quinta e ficou constatado que o atleta sofreu uma lesão muscular na parte posterior da coxa esquerda.

Como de praxe, o departamento médico não quis estabelecer prazo para o retorno de Aírton, que já começou tratamento intensivo junto à fisioterapia do clube.

Publicidade

Sendo assim, ele não deve enfrentar a Luverdense nem de uma provável semifinal de Campeonato Carioca.

Sem Aíton, Allan é o favorito para ganhar uma oportunidade. Uma segunda opção seria retornar Caio Henrique, que vem atuando como lateral-esquerda, para a sua verdadeira posição.

Flu oficializa proposta para gerir o Maracanã

Além do campo, o Fluminense também trabalha nos bastidores e, na última quinta, o clube apresentou uma proposta para gerir o Maracanã.

O clube tomou essa atitude após duas reuniões com membros do conselho consultivo nomeado pelo governador do Estado do Rio, Wilson Witzel, para saber a melhor forma de administrar o estádio.

Para a comissão, o Flu usou, como argumento, ter expertise para assumir o Maracanã de imediato, adquirida no mando de suas partidas. O Flamengo é outro que declarou a vontade de assumir as operações do local. Uma terceira alternativa que surge é o consórcio formado pela Bravo Live (empresa gestora do Allianz Parque, estádio do Palmeiras), a Time for Fun e a Golden Goa.

Publicidade

No dia 18 de março, o governador Witzel anunciou o rompimento do contrato do Governo do Estado com o Consórcio Maracanã. A Odebrecht terá até dia 19 do próximo mês para deixar o estádio.

Leia tudo e assista ao vídeo