Neymar garantiu a permanência no Paris Saint Germain (PSG) na temporada 2020/2021. De acordo com informações, o jogador brasileiro teria manifestado o desejo de permanecer no PSG com intuito de voltar a disputar uma final da Liga dos Campeões. A declaração de Neymar foi publicada por um canal de informação do próprio clube francês.

Neymar rompe parceria com a Nike

A decisão de permanecer no PSG foi tomada em meio ao rompimento do atacante com a Nike, que patrocinou a carreira do atleta durante 15 anos. Também vale ressaltar que atualmente a empresa norte-americana de materiais esportivos é a principal fornecedora do time francês.

Após o fim do contrato com o atacante, a Nike não forneceu maiores detalhes para explicar o ocorrido.

Estima-se que nos próximos dias Neymar deve assinar um contrato de patrocínio com a Puma, outra empresa de materiais esportivos. Procurada pela imprensa, a assessoria da Puma preferiu não se manifestar sobre o assunto. Ainda de acordo com informações, Neymar assinou o seu primeiro contrato com a Nike aos 13 anos, cerca de 5 anos antes de ser promovido ao time profissional do Santos.

Após sagrar-se campeão da Libertadores com Santos, na edição 2011, o camisa 10 do Peixe renovou o seu contrato de patrocínio por mais 11 anos. Como o contrato estava previsto para terminar em 2022, estima-se que divergências financeiras entre o jogador e empresa acabaram levando o fim do contrato.

Neymar ficou de fora de campanhas da Nike

Nas últimas campanhas da Nike, Neymar já não estava mais entre as grandes figuras da marca. Informações dão conta que o jogador brasileiro nem ao menos foi convidado para participar da campanha com o título ''Nada pode parar o esporte'', que contou com a participação de inúmeros atletas, incluindo os jogadores de Futebol Cristiano Ronaldo e Mbappé.

Em outra propaganda, ''O futebol precisa de você'', Cristiano Ronaldo aparecem juntos aos jogadores de futebol Virgil van Dijk e Raheem Sterling.

Após o fim de contrato com o camisa 10 do PSG, a Nike informou que pretende apostar em outros jovens atletas, como o companheiro de Neymar o meia atacante Mbappe, além dos jogadores brasileiros Vinícius Júnior, Rodrygo e Gabigol.

Enquanto isso, Neymar analisa parcerias para anunciar o seu novo fornecedor de material esportivo.

Atualmente de férias no Brasil, Neymar se prepara para voltar a Paris. Estima-se de que o Campeonato Francês tende a começar na segunda quinzena de setembro. Contudo, o camisa 10 do PSG deve ficar de fora da primeira partida por conta de não ter participado da breve pré-temporada.

Siga a página Futebol
Seguir
Siga a página Neymar
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!