O casal Betty e Curtis Tarpley ultrapassou as bodas de ouro, e com 53 anos de casados, eles morreram de mãos dadas, vítimas do novo coronavírus, com menos de uma hora de intervalo entre um e outro.

Betty tinha 80 anos e Curtis 79. Morador do Texas nos Estados Unidos, o casal deu entrada no Hospital Harris Methodist localizado na cidade de Fort Worth. De acordo com relatos da família, ela foi internada no dia 9 e seu marido dois dias depois. A história que causou grande comoção foi relatada pela imprensa americana nesta semana.

Tim, o filho do casal

O filho do casal Tim Tarpley contou a CNN que foi muito triste deixar seus pais no hospital.

Segundo Tim, a mãe foi a primeira a apresentar agravamento no quadro, chegando a ligar para se despedir de sua família. As enfermeiras do hospital foram as responsáveis pela transferência de Curtis para a ala onde Betty estava.

Os filhos do casal realizaram duas visitas aos pais. Na segunda visita, as notícias não foram boas, e Tim e sua irmã foram comunicados que sua mãe teria pouco tempo de vida. Curtis que apresentava um quadro mais estável, acabou piorando após receber a notícia sobre sua esposa, seus níveis de oxigênio diminuíram.

Tim acredita que a notícia abalou muito seu pai, saber que a esposa com quem vivia há 53 anos estava prestes a morrer, fez com que ele desistisse de lutar contra o coronavírus.

Ele também aprova a atitude da enfermeira responsável por deixar o casal juntos. "Era a coisa certa" afirmou.

De acordo com informações do hospital, Curtis não tinha mais forças para olhar para Betty, mas manteve suas mãos nos braços dela. Após seus últimos 20 minutos juntos Betty faleceu, e pouco depois, com 45 minutos de intervalo foi a vez de seu esposo.

O filho do casal Tim, também está infectado com o coronavírus, e neste momento está em isolamento na sua própria casa e afirma ser extremamente grato pelo gesto da equipe hospitalar.

Estados Unidos

Os Estados Unidos é atualmente o país com maior número de mortes relacionadas ao coronavírus do mundo, registrando até esta terça-feira (30), 127.322 óbitos.

No estado do Texas, local onde o casal vivia, um recorde diário de casos confirmados foi registrado também nesta terça-feira. Foram 6.975 casos registrados em 24 horas. Segundo informações da equipe de Saúde de Houston, mais de metade dos casos são de pacientes com menos de 50 anos.

Em resultado dos altos registros de óbitos e contágios do novo coronavírus no país, os Estados Unidos se obriga a reverter a flexibilização da quarentena mantendo medidas de segurança, principalmente nas regiões sul e oeste do país.

Com 42.528 novos casos confirmados da doença, o número total de infectados chega à 2.629.372.

Siga a página Coronavirus
Seguir
Siga a página Saúde
Seguir
Siga a página Opinião
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!