A atriz Marina Ruy Barbosa passou a virada de ano fora do Brasil, mas nesta terça-feira (1º) comentou em sua conta oficial no Twitter o grande acontecimento do dia: a posse do presidente Jair Bolsonaro.

Pelo Twitter, Marina afirmou que temos que desejar e torcer por um país melhor, independente de qual político esteja governando. A atriz também pediu para que sejam aguardados os próximos capítulos.

A cerimônia de posse foi transmitida ao vivo para todo o Brasil. Alguns internautas entenderam a postagem de Marina como um apoio a Jair Bolsonaro.

Um seguidor resolveu ironizar a atriz e perguntou aos internautas se eles já tinham pensando no quanto Marina perderia com o novo governo. Ela agradeceu o comentário e foi informada que se tratava de uma ironia. Um outro internauta afirmou que ela foi ironizada por ser branca e hetero.

"Barbiezinha burguesa", escreveu o seguidor.

Marina ficou brava e respondeu que não estava torcendo pelo presidente, mas, sim, pelo país e pediu para não ser chamada de Barbie. As polêmicas na postagem da atriz que está no ar na novela O Sétimo Guardião prosseguiram com outros internautas comentando sua postagem.

Um deles afirmou que a atriz era uma "bolsominion assumida". Bolsominion é o termo pejorativo usado para designar quem vota em Jair Bolsonaro.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Famosos Jair Bolsonaro

A atriz ainda foi ofendida ao ser chamada de "salsicha privilegiada". Marina Ruy Barbosa ironizou a seguidora ao dizer que havia descoberto suas próprias preferências políticas através de outras pessoas.

A discussão de Marina Ruy Barbosa com seus seguidores prosseguiu por mais alguns tuítes. No total, sua postagem tem até o momento rendeu 15 mil likes, dois mil compartilhamentos e 1,5 mil comentários. A mensagem continua ativa no Twitter e a cada hora novos comentários são postados.

Jair Bolsonaro presidente

Jair Bolsonaro foi eleito presidente da República no final de outubro. Durante a campanha presidencial, artistas que se posicionaram contra e a favor ao ex-deputado federal foram criticados nas redes sociais.

Muitos artistas, como a atriz veterana Regina Duarte, antipetista roxa, declararam apoio explícito a Jair Bolsonaro. Entre cantores sertanejos o apoio foi praticamente maciço a Bolsonaro, com algumas exceções, como a cantora Marília Mendonça.

O presidente foi eleito com 57 milhões de votos ao derrotar o petista Fernando Haddad no segundo turno do pleito presidencial.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo