Fátima Bernardes, apresentadora do programa "Encontro", da Rede Globo, está passando por uma situação no mínimo curiosa e inusitada. A artista está sendo acusada pelo deputado Otoni de Paula, do PSC do Rio de Janeiro, por uma suposta apologia ao uso de drogas.

O deputado protocolou na última segunda-feira (6) uma notícia-crime na Polícia Federal contra a apresentadora global. Para o deputado, a apresentadora do programa "Encontro" teria feito apologia ao cultivo, uso e venda de maconha ao receber a cantora Ludmilla em seu programa matinal.

Em sua presença no programa "Encontro", no dia 23 de dezembro, a cantora Ludmilla cantou a sua mais nova canção, a música "Verdinha".

O novo sucesso da funkeira traz na letra os dizeres: “Eu fiz um pé lá no meu quintal. Tô vendendo a grama da verdinha a um real”. Segundo o ofício protocolado pelo deputado contra Fátima Bernardes na Polícia Federal, o fato do programa ser exibido durante as manhãs globais leva a deduzir que podem ter muitos menores de idade entre os telespectadores da atração televisa e a divulgação da música seria um incentivo ao uso de drogas.

Fátima Bernardes, que se encontra de férias e viajando com o namorado Túlio Gadelha, ainda não se manifestou sobre a ação que foi movida pelo deputado. Nem mesmo a Rede Globo, canal em que o programa é exibido, manifestou-se sobre a situação.

Ludmilla se manifesta sobre críticas a sua música

Fazendo uso do seu perfil no Twitter, a funkeira Ludmilla fez uma postagem agradecendo a divulgação de graça que está tendo da sua nova música.

Ela disse que está adorando ver os "trouxas" divulgando a sua música e o seu clipe gratuitamente, sem ela ter que pagar nada, nem mesmo fazer permuta. Ludmilla disse que isso era delicioso e em meio a risadas, disse que quanto mais coisas as pessoas inventam, mais a sua música 'Verdinha' ficava famosa. Lud terminou sua publicação dizendo que era para as pessoas continuarem, pois ela estava amando.

Pouco tempo depois, a cantora optou por apagar a publicação do seu perfil.

A nova canção de Ludmilla, que está rendendo ações contra a mesma por apologia ao consumo de drogas, e até contra a apresentadora Fátima Bernardes, foi lançada no fim do mês de novembro e já teve mais de 32 milhões de visualizações no YouTube. A polêmica em torno da música é devido à letra fazer uma aparente alusão a um pé de maconha plantado em um quintal. A cantora já teve um contrato rescindido pela marca Studio Z Calçados, onde seria garota propaganda, depois que lançou a canção.

Na segunda-feira (6), a cantora Ludmilla usou seu Twitter para compartilhar uma situação única em sua vida.

A cantora postou um vídeo dançando a nova música de Justin Bieber e teve a gravação compartilhada pelo artista internacional. Em seu perfil, ela disse: "Justin me reposto e eu to passando mal, postei e sai correndo".

Siga a página Famosos
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!