Foi anunciado na manhã desta quarta-feira (20), pelo presidente Jair Bolsonaro, que Regina Duarte deixará o cargo de Secretária de Cultura e assumirá a Cinemateca Brasileira, órgão ligado à pasta da cultura e que é responsável pela produção audiovisual, sediado em São Paulo.

A atriz está no cargo de secretária desde 4 de março para estabelecer a paz entre o Governo e os setores artísticos e culturais. A ideia, no entanto, acabou afetando ainda mais a relação de Bolsonaro com artistas, sobretudo após decisões polêmicas de Regina à frente da pasta.

Segundo Bolsonaro, em texto publicado nas redes sociais, Regina estaria sentindo falta da família e poderá continuar ajudando a governo e a cultura ficando à frente da Cinemateca.

Ainda segundo o presidente, haverá a divulgação de um vídeo com o trabalho feito pela então secretária ao longo dos 60 dias em que esteve no cargo.

A postagem do presidente teve junto a ela um vídeo, mostrando a participação de Regina, e ela dizendo ter ido ao Palácio da Alvorada para saber do presidente se estava sendo “fritada”, nas palavras da atriz. O presidente, em resposta, diz que a mídia afirma isso para causar desestabilização no governo e garante que Regina nunca seria fritada.

O vídeo continua com a atriz afirmando ser o convite de comandar a cinemateca um grande e maravilhoso presente que é sonho de qualquer um que esteja ligado à área de comunicação, audiovisual, cinema e teatro comandar esse setor, por isso ela assume com muita alegria.

A perda de Bolsonaro em seu governo atual

Segundo Bolsonaro, é uma pena a perda de Regina na secretaria, pois agora ela vai ficar mais distante dele e do convívio de Brasília, e ele a queria mais próxima, mas fica feliz por tem uma pessoa como ela na Cinemateca.

Disse ainda que reconhece tudo o que ela representa para o Brasil e que sabe que ela só deseja que o país melhore, e que, ficando ali, perto de seu apartamento em São Paulo, a atriz vai ser feliz e mais produtiva.

A agora ex-secretária afirma no vídeo que sente muita saudade dos filhos e dos netos e que precisa ficar mais próxima de sua família, que também a quer mais por perto sempre.

Para Regina, a família é uma ligação essencial e que sempre esteve muito próxima à sua, por isso considera que o que o presidente fez por ela é uma grande presente e pode ser comemorado duplamente, pois ela vai ter a direção da Cinemateca e ainda vai poder ficar perto de seus entes queridos, uma de suas maiores vontades nos últimos tempos, afirmou a atriz no vídeo postado.

Para finalizar o vídeo, Jair Bolsonaro reafirmou que Regina não está livre o trabalho e que sua missão será sempre o acompanhar nas idas a São Paulo e cuidar muito bem deste setor.

Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Política
Seguir
Siga a página Saúde
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!