O mundo gospel e da política estão em luto. Faleceu na madrugada desta sexta-feira (19), o vereador (PL) e cantor gospel Irmão Lázaro, aos 54 anos. O famoso estava internado em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital de Feira de Santana, na Bahia, desde o dia 25 de fevereiro.

Irmão Lázaro lutou pela vida

O político Irmão Lázaro foi diagnosticado com Covid-19 no dia 15 de fevereiro e começou a se tratar em casa. Entretanto, uma semana depois, no dia 22, ele se sentiu mal e procurou um médico, que constatou que 50% dos seus pulmões estavam comprometidos.

Ele foi internado em uma enfermaria e três dias depois levado para uma UTI, ao ter o quadro agravado.

As informações sobre o estado de saúde do famoso eram compartilhadas diariamente no perfil do artista nas redes socais.

Na noite de sexta, por volta das 18 horas, o boletim dizia que o estado dele era grave e muito delicado. Eles pediram orações para que Deus fizesse um milagre da vida do cantor, mas horas depois informaram que ele havia morrido. Com uma imagem do vereador, escreveram na legenda: "Infelizmente perdemos nosso irmão Lázaro, quis o Senhor levar para o seu lado na glória."

Filha de Irmão Lázaro homenageia o pai

Marta Silva, filha do Irmão Lázaro, usou seu perfil para se despedir e homenagear o vereador.

Ela disse que o homem mais importante da sua vida, e o que mais amou e amará tinha partido. Marta disse que seu pai era o homem mais honesto e bondoso que conheceu, que lhe ensinou a amar a Deus sobre todas as coisas e que a amou como ninguém.

Segundo Marta, o alívio era saber que o pai estava ao lado de Deus e que o céu estava em festa.

Ela disse que ele foi seu maior exemplo de fé, seu melhor amigo, pastor e confidente, além de seu cantor favorito. A mulher disse que o pai era seu tudo e que não tinha como expressar como o amava.

Carreira do Irmão Lázaro

Lázaro começou sua carreira na Música secular e fez parte do grupo Olodum nos anos 90. Ele se converteu à religião evangélica e resolveu mudar o rumo da carreira e se tornar cantor gospel.

Uma das canções de maior sucesso foi "Eu te amo tanto", que faz parte de um CD e DVD gravado em 2008, na Bahia.

No mundo da política, ele foi eleito e atuou como deputado federal de 2015 a 2018, ano em que tentou uma vaga para senador, mas não foi eleito. Atualmente, Irmão Lázaro era vereador em Salvador, após ser eleito em 2020, com mais de quatro mil votos.

Homenagens ao Irmão Lázaro

Após a confirmação da morte do Irmão Lázaro, muitos artistas e políticos usaram as redes sociais para se despedir do famoso. Bruno Reis, prefeito de Salvador, lamentou a morte do artista dizendo que ele foi fora de série e que superou diversos desafios com sabedoria e talento. O político falou da humildade e carinho do famoso com as pessoas e da importância da música do mesmo em sua vida.

ACM Neto, ex-prefeito de Salvador lamentou o Irmão Lázaro ser mais uma vítima do coronavírus e as famílias em luto. Ele falou que Lázaro era um grande companheiro da vida política, um homem de fé a artista que levou emoção às pessoas com sua voz inconfundível.

O cantor gospel Regis Danese disse que não estava acreditando, que tinham orado tanto, mas que a vontade de Deus prevaleceu. André Valadão disse que seu irmão amado estava no colo do Papai e desejou que ele vá em paz: "te amamos, admiramos, e sabemos que a soberania de Deus supera nosso entendimento.Que o consolador seja sobre sua família."

Raul Gil postou uma foto do cantor onde dizia que ele voltou para casa e na legenda escreveu que sentirá muito a sua falta.

A mesma imagem foi compartilhada pelo seu filho Raulzinho, que escreveu: "Sempre terei orgulho de dizer que tu sempre foi meu amigo, seu tempo aqui ao nosso lado foi rápido, mas eterno de uma beleza sublime, sua voz , sua arte e suas palavras nunca serão esquecidas."

Siga a página Coronavirus
Seguir
Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Política
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!