Em duas ações criminosas na noite desta terça-feira (16), três homens foram mortos a tiros em Gravataí, cidade localizada na região metropolitana de Porto Alegre.

De acordo com agentes que atenderam as ocorrências, tudo começou por volta das 20h, quando a guarnição recebeu um chamado que informava estar acontecendo um tiroteio em uma residência na altura do número 330 da av. Sertório, no bairro Padre Reus.

Publicidade
Publicidade

Ainda segundo os policiais, quando eles chegaram ao local encontraram um homem morto a tiros e outros três feridos. Os feridos foram socorridos e encaminhados ao hospital da região João Beker, onde receberam atendimento médico. Mais tarde, uma das vítimas do ataque não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo na unidade de saúde. Os dois mortos na ação foram identificados pela Polícia como Lucas Kevin da Silva, de 19 anos, e Jonatas Felipe da Silva, de 26.

Publicidade

De acordo com testemunhas que presenciaram a ação dos atiradores, dois automóveis teriam chegado ao local do crime, e, após estacionarem em frente a residência, cerca de quatro homens fortemente armados teriam invadido a casa e realizado diversos disparos contra as quatro vítimas que estavam no interior do local.

Ainda segundo a polícia, momentos depois do primeiro crime, um outro homem foi alvo de mais um ataque praticado em uma nova residência na rua Dona Neila, no bairro Vila Neila.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Polícia

Na ocasião do crime, cerca de três homens armados teriam chegado na casa onde o homem trabalhava e o teria chamado pelo nome. Este, ao aparecer, o trio efetuou diversos disparos contra a vítima que foi ferida e levada também para o Hospital João Becker, mas não resistiu aos ferimentos a veio a falecer no interior do hospital. A polícia identificou a vítima como Lucas Gulart Nogueira, de 32 anos. Os três mortos nos ataques não tinham passagens pela polícia e a região é conhecida como ponto de venda de drogas por traficantes.

Gravataí amanheceu com reforço policial

Na manhã desta quarta-feira (17), foi realizado um reforço no patrulhamento na região de Gravataí, e, segundo o comandante e major Luis Felipe Neves Moreira, do 17º Batalhão da Polícia Militar da região, existe a possibilidade de que os dois crimes tenham sido praticados por motivações diferentes entre si, e que a atuação dos agentes de segurança na região não serão alteradas por enquanto.

Publicidade

“Iremos continuar com as investigações e teremos reforços em certas operações", disse o major Luiz Moreira.

Até o momento a polícia ainda não há pistas dos atiradores que participaram do primeiro crime e nem do segundo. Câmeras de segurança da região poderão ser utilizadas nas investigações para que a polícia consiga identificar os atiradores nos crimes.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo