Está chegando ao fim a saga da presidente americana Selina Meyer, personagem da atriz Julia Louis-Dreyfus na premiada série da HBO, 'Veep'. A série estreia sua sétima e derradeira temporada neste domingo (31), na HBO, às 23h40 no Brasil.

'Veep' é uma sátira política que tem em seu currículo a impressionante marca de ter sido ganhadora de 17 prêmios 'Emmy' (a premiação é considerada o 'Oscar' da Televisão mundial).

A atriz Julia Louis-Dreyfus ganhou de forma consecutiva 5 destas 17 estatuetas que foram para a série, além de dar vida à protagonista, ela também é produtora executiva da série.

Publicidade
Publicidade

Comédia extrema

Foi esta a denominação que a eterna 'Elaine' da icônica série 'Seinfeld', deu para Veep em evento no Lincoln Center em Nova York. A atriz disse que tempos extremos demandam medidas extremas, ou no caso de 'Veep', séries extremas.

'Veep' é uma sátira política que mostra na tela os constantes acontecimentos políticos que são vistos não só nos Estados Unidos, mas também em países como o Brasil, por exemplo.

Neste sétima temporada, a presidente dos Estados Unidos, Selina Meyer, candidata-se novamente para o cargo e, por motivos egoístas, sua campanha se inicia pelo interior da América.

Quando ela chega para discursar em uma pequena cidade, se depara com uma situação bizarra. O palco em que seu comício seria realizado não foi montado por falta de pagamento para a empresa encarregada do evento.

Clamando por um milagre que pudesse contornar está situação (pois aos poucos começam a aparecer membros da imprensa para cobrir o evento), ela é comunicada por um de seus assessores de que um tiroteio acaba de ocorrer em uma Escola, então a presidente Meyer vibra com a notícia.

Publicidade

Em um primeiro momento, o público presente no Lincoln Center para o lançamento da série fica desconfortável com a situação. Contudo, quando a personagem faz uma crítica à fala padrão de governantes da vida real, no momento em que se deparam com este tipo de situação, o público não consegue conter o riso.

Em um momento da séria 'Veep', o personagem Jonah Ryan (Timothy Simmons) decide concorrer à presidência. Entretanto, o candidato não tem papas na língua e passa por um media training para participar de um debate.

Para não esquecer os palavrões que está proibido de dizer, ele faz uma cola na mão, e antes, em uma entrevista, ele reconheceu estar despreparado para o cargo.

Informado pela reportagem do jornal 'O Globo' que o presidente do Brasil fez as duas coisas de seu personagem, o ator riu e mostrou incredulidade.

Leia tudo