Nina Sousa foi eleita a Miss Top Of The World, o concurso Plus Size mais importante do mundo. A brasileira Nina Sousa tem 28 anos e derrotou outras 19 concorrentes na noite do último sábado (9), na Ucrânia. E recebeu a coroa das mãos da miss anterior, a filipina Charlene Pagayon Rosco, vencedora do ano passado.

Nascida em Volta Redonda (RJ), Nina ganhou o concurso Miss Plus Size Rio de Janeiro em 2018, que a qualificou para participar da rodada internacional. "Esse é o momento mais importante da minha vida!", declarou, revelando ter tido diversas dificuldades para chegar até a etapa internacional.

Mas, segundo ela, valeu a pena. "Eu venci!", comemorou. "Eu venci a dor, venci o cansaço, venci as energias negativas", escreveu, emocionada, a bela e simpática miss em seu Instagram.

A expectativa começou antes do evento. Ao embarcar em sua primeira viagem internacional, Nina Sousa colocou suas impressões no Instagram, destacando que estava indo para a Ucrânia realizando um sonho: "foram anos de superação, sonhos, angústias, traumas, choros, persistência, coragem, críticas, dúvidas e traumas! Mas eu jamais desisti".

Ela também desabafou as barreiras que sentiu em pessoas que não acreditavam nela ao ouvir frases como "essa caipira não chega a lugar nenhum" e ainda "você nunca será ninguém, você não é ninguém". E como lição para quem deseja superar desafios, mandou o recado: "nunca desistam". Ela ainda comentou que estava no concurso para representar o Brasil, lutando pelas causas que valem a pena e mostrando que todos podem ser o que quiserem, "independente de suas origens".

Dois concursos

Além do concurso Miss Brasil The World Plus Size, existe outro semelhante, o concurso Miss Brasil Plus Size, que começou em 2012 com representantes de todos os estados.

Vai ficar por fora de assuntos como este?
Clique no botão abaixo para se manter atualizado sobre as notícias que você não pode perder, assim que elas acontecem.
Famosos Mulher

O evento valoriza a Mulher plus size (tamanho grande), criando um novo estilo de Moda e quebra um paradigma de beleza do tamanho único. Ainda em 2012 a primeira representante brasileira na etapa internacional foi Barbara Monteiro, que ficou em segundo lugar no Miss Universo Plus Size, no Caribe. Mesmo não tendo vencido o concurso, Barbara ganhou visibilidade e foi convidada para participar de vários eventos, programas de TV e e vários trabalhos para grifes nacionais e internacionais. As demais vencedoras da etapa Brasil também ficaram bem conhecidas nos programas de TV e nas passarelas da moda nacionais, como Aline Zattar (2013); Isabelle Campestrini (2014); Denise Gimenez (2015) --que participou do "Amor e Sexo" na TV Globo; Aline Frade (2017); Ana Clara Vilea (2018).

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo