Gusttavo Lima decidiu quebrar o silêncio e se pronunciar através de sua assessoria de imprensa após ter seu nome envolvido em uma briga judicial. André Luiz Gonçalves, O compositor e ex-parceiro do sertanejo, acionou a Justiça pedindo uma indenização de nada menos que R$ 20 milhões, alegando que Gusttavo Lima não cumpriu o combinado entre eles sobre a Música “Fora do Comum”.

Gusttavo Lima é acusado

Em entervista à colunista Fábia Oliveira, do jornal O Dia, André alega que o sertanejo o chamou para uma parceria e pediu para que ele gravasse a música e lhe enviasse.

Desta forma, o compósito conta ter registrado a canção e depois enviado a mesma para Gusttavo Lima. Dias depois, André Luiz conta ter recebido uma chamada de voz do sertanejo, que lhe disse que só gravaria “Fora do Comum” se o compositor fizesse uma sociedade com ele.

Em seguida, alegando boa-fé, o compositor disse que pensou que o sertanejo só iria acrescentar seu nome como também compositor da canção. Contudo, ele conta que Gusttavo modificou metade da faixa e depois registrou como se a música fosse 50% de sua autoria.

Desta forma, para não perder a composição, André conta ter se dirigido a uma outra editora, para assim, registrar seus outros 50% da canção. Isso, porque ele diz que quando foi registrar toda a canção em seu nome, Gusttavo Lima já havia realizado o registro de 50%.

Sertanejo se pronuncia

Através de sua assessoria de imprensa, Gusttavo Lima decidiu quebrar o silêncio e falar sobre as acusações envolvendo seu nome.

O sertanejo diz que a canção foi realmente feita em parceria com o compositor, contudo, ressalta que o mesmo já recebeu 50% dos direitos autorais da música.

Além disso, Lima também revela que o processo em questão já foi julgado em desfavor de André, que decidiu intervir e utilizar o recurso de apelação, desta forma, novamente o processo aguarda julgamento.

A assessoria do cantor afirmou ainda que as acusações feitas por André Luiz "são infundadas".

Wesley e Gusttavo não se cruzam

Nesta quarta-feira (12), mais uma polêmica envolveu o nome de Gusttavo Lima. Desta vez, de acordo com o jornal Máxima, do UOL, Gusttavo não pode ficar no mesmo ambiente que Wesley Safadão se não sai faísca. Segundo o jornal, durante a gravação do DVD da banda de forró Calcinha Preta, que aconteceu em Aracaju, no dia 5 de fevereiro, a produção teve que promover um verdadeiro esquema para evitar o encontro dos cantores.

Durante a gravação, seguranças se organizaram para que Lima saísse do carro e fosse diretamente ao palco. Enquanto isso, Safadão permanecia no camarote esperando o momento de sua participação no DVD da banda de forró.

Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Polícia
Seguir
Siga a página Música
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!