A morte de Gugu Liberato, ocorrida no mês de novembro de 2019, e a briga na justiça que está ocorrendo entre os familiares do apresentador e a mãe dos seus filhos voltou a ser amplamente divulgada nos últimos dias, depois que a Veja postou uma entrevista realizada com a mãe do artista, Maria do Céu, e outra realizada com Rose Mirim, viúva do artista. Muitas informações novas foram divulgadas nas duas entrevistas e muito se foi falado, pelos dois lados desde sexta-fera, 31 de janeiro.

Uma informação que foi amplamente divulgada e que chocou aos internautas, foi a de que João Augusto teria realizado um boletim de ocorrência contra a própria mãe, após ter se sentido enganado pela mesma.

As notícias, que até então estavam sendo divulgadas, davam conta de que o filho de Gugu teria sido levado, sem o seu conhecimento, pela sua mãe Rose, pelo tio Gianfrancesco e pelo seu filho, até a casa de um advogado, que viria a ser o representante legal de Rose Miriam.

Os três teriam dito que iriam até a casa de um amigo da família, mas quando chegou ao local, João Augusto não gostou de saber que era na casa de um advogado e que eles estavam ali para que a mãe pudesse ser orientada em como ir contra o testamento de Gugu Liberato, que havia sido lido algumas horas antes, e que a mesma não havia sido contemplada.

Vale lembrar que tudo isso ocorreu no mesmo dia em que Gugu foi enterrado. O testamento deixado por Gugu foi lido duas horas após o enterro do artista e essa visita à casa do advogado Nelson Willians teria ocorrido por volta das 20, 21 horas da noite.

Matéria sobre Gugu no Fantástico

Após as últimas notícias sobre a briga na justiça entre Rose Miriam e a família de Gugu, e as falas divulgadas pela revista Veja, o Fantástico, programa da Globo, colocou no ar neste domingo, 02 de fevereiro, uma matéria sobre a vida de Gugu, pela ótica de sua mãe Maria do Céu e também pelos advogados da família de Gugu e do representante de Rose Miriam.

Uma das questões que foram esclarecidas pelos advogados, foi sobre a notícia de que João Augusto teria representado contra a própria mãe no dia em que não gostou de ser levado sem saber à casa do advogado de Rose, logo após o enterro do pai, e da leitura do testamento deixado pelo apresentador. Na reportagem, foi confirmado que o rapaz foi levado pela sua mãe, pelo tio Gianfrancesco e pelo primo Eduardo Di Matteo até a casa do advogado, mas negaram que o rapaz tenha prestado uma queixa-crime contra a mãe Rose Miriam.

Ele fizeram questão de relembrar as notícias que foram divulgadas sobre João Augusto e sua mãe nos últimos dias e afirmaram que não existe nenhum boletim de ocorrência do primogênito de Gugu Liberato contra a sua mãe e informaram, que na verdade, João Augusto fez uma queixa-crime contra o tio Gianfrancesco e seu filho Eduardo.

Siga a página Famosos
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!