A polêmica envolvendo o jogador do Paris Saint-Germain Neymar e a modelo Najila Trindade parecia já ter se resolvido, mas a modelo decidiu reabrir a polêmica com um processo. Segundo informações do programa "Fofocalizando", do SBT, Najila pretende processar Neymar na justiça de Paris, por transportar mulheres para fim sexual.

Segundo o advogado de Najila, eles devem ter sucesso na denúncia se feita nos tribunais franceses. Cosme dos Santos revelou que irá processar Neymar por crime de prostituição. Quando procurada a assessoria de Neymar disse que não recebeu notificação judicial e que esse assunto é passado.

Ainda de acordo com o advogado de Najila, ele vai entrar no Superior Tribunal Federal com um mandado de segurança, contestando o pedido de arquivamento da denúncia de abuso contra Neymar, feita pela modelo. Caso o STF decida acatar o pedido, o caso será reaberto.

Neymar e Najila

Em 15 de maio de 2019, Najila e Neymar se encontraram em Paris, para um encontro casual. No mês de junho do mesmo ano, a modelo decidiu abrir um Boletim de Ocorrência contra Neymar por agressão e abuso.

Neymar, na tentativa de se defender foi ao seu Instagram para se defender e postou fotos em que Najila aparece como veio ao mundo, depois disso começou toda a confusão.

Em um vídeo, a modelo aparece agredindo o craque do Paris Saint-Germain, com tapas.

Quando foi chamada para apresentar as provas, Najila alegou que foi roubada e que levaram o tablet onde estavam os vídeos que provariam uma suposta agressão.

Durante o processo, Najila teve que trocar por três vezes de advogado, e depois de muita confusão a Polícia resolver encerrar o caso. A modelo chegou a ser denunciada por falso testemunho, extorsão pelo Ministério Público.

A denúncia não foi acatada, mas a modelo acabou sendo ré por dificultar as investigações, o que pode dar de três a oito anos de prisão.

Neymar é ironizado por Najila

Depois de prestar depoimento no ano passado, Najila ironizou Neymar. Ela disse que ele estava driblando e caindo. A declaração foi feita depois de a modelo depor no processo que abriu contra Neymar por divulgar suas fotos íntimas na internet.

O depoimento da modelo durou 40 minutos. Ela respondeu as perguntas da polícia, alegando se deu ou não autorização para que as imagens fossem divulgadas na internet. Quando prestou depoimento, Neymar disse que ele não divulgou as imagens, mas sim um integrante de seu estafe, juntamente com um técnico em informática.

O processo já estava arquivado, mas agora Najila decidiu ir aos tribunais franceses, para fazer uma denúncia de patrocínio a prostituição, já que, segundo ela, Neymar a levou a Paris para fins sexuais, com o consentimento da modelo.

Siga a página Polícia
Seguir
Siga a página Futebol
Seguir
Siga a página Neymar
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!