Da mesma forma como o cantor Eduardo Costa havia feito, Luana Piovani também aproveitou o momento para poder criticar alguns Famosos pelas palmas que foram concedidas por eles aos profissionais de Saúde que estão sobrecarregados agora devido a pandemia do novo coronavírus.

Nesta última quarta-feira (25), a atriz usou de suas redes sociais para falar a respeito do caso, e declarou que não concorda com este tipo de campanha que tem sido endossada por alguns famosos neste momento tão grave para o país.

Atriz critica famosos

A atriz publicou uma crítica em seu perfil na rede social falando que, neste momento de isolamento social, ela está entediada e comendo muito, além disso também está se "arrastando" para poder fazer o mínimo de exercício que seja neste momento, e que ela fica assistindo o mundo postando treinos, onde todos aparecem magros, tonificados, usando roupas lindas e com cenários solares.

Em seguida, a atriz aproveitou para poder cobrar que as pessoas falassem de solidariedade neste momento.

Ela questionou aos seus seguidores se eles haviam ligado para algum amigo que more perto, ou em uma comunidade para perguntar se ele está bem ou se ele ou algum conhecido precisa de algo neste momento.

Em seguida a atriz criticou a situação questionando se as pessoas haviam só "batido palma para a câmera". Luana ainda declarou que tinha preguiça deste tipo de campanha, que é criada por famosos no Instagram, e ela considera como sendo uma grande mentira.

A atriz deixou claro em sua publicação que considera que a atitude que muitas pessoas tomaram nos últimos dias de aplaudir os profissionais da saúde em suas janelas para agradecer a eles por tudo que estão fazendo, é apenas uma grande mentira.

Eduardo Costa também faz críticas aos aplausos

A atriz, no entanto, não foi a única que não gostou desta campanha, o cantor sertanejo Eduardo Costa também se manifestou a respeito da situação.

Ele acabou gerando uma grande polêmica ao cobrar ações de apresentadores como Luciano Huck e Rodrigo Faro, chamando-os hipócritas.

Isso porque o sertanejo explicou que tem visto muitos apresentadores de televisão que estão no conforto de suas casas e que possuem dinheiro sobrando, mas que têm se mostrado hipócritas, porque ficam batendo palmas para enfermeiros e para médicos, mas destacou, logo em seguida, que “palma não enche barriga”, em uma crítica pelo fato de que não tomaram nenhum atitude.

O sertanejo há alguns dias declarou que iria doar R$ 2,5 milhões para poder ajudar no combate ao coronavírus que tem se alastrado pelo mundo e chegou ao Brasil, fazendo já muitas vítimas e pessoas com suspeitas da doença, o que tem feito com o que os hospitais ficassem sobrecarregados com muitas pessoas.

Siga a página Coronavirus
Seguir
Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Saúde
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!