Publicidade
Publicidade

Mais uma triste história envolvendo suicídio e redes sociais chocou a pequena cidade de Canoas, na região metropolitana de Porto Alegre no Rio Grande do Sul.

A jovem Patrícia Santiago, que era dona de uma pequena butique em Canoas, resolveu suicidar-se na tarde da última segunda-feira, (14).

Mas antes de cometer o ato desesperado, ela deixou uma extensa #carta aberta, através de sua conta na rede social Facebook. [VIDEO]

Segundo Patrícia, ela era uma pessoa alegre e feliz até o dia que resolveu contratar uma arquiteta para realizar o sonho de sua vida, que era o projeto de sua loja.

De acordo com o desabafo de Patrícia, ao começar a receber os móveis e ver a montagem dos mesmos, tudo começou a desabar, pois não seria nada daquilo que ela queria.

Publicidade

Ela conta que fez inúmeras reclamações e pedidos para que os dois mudassem, pois tudo estaria completamente contra o que ela desejava, mas eles se recusavam dizendo que era aquilo que ela tinha combinado.

No relato de Patrícia, ela não apresenta outros motivos para ter tomado uma atitude tão drástica.

Mas ela também diz que todo o ocorrido com a loja a deixou com #depressão e que ela não tinha mais vontade de nada, já não comia, não dormia direito e sua única vontade era de chorar. Disse que se sentia no fundo do poço e que acreditava que estaria “partindo dessa para uma melhor”, e que seria recebida por Deus, e por anjos que iriam acalmá-la.

Ela pediu perdão à mãe e ao marido e também citou alguns outros familiares, disse que se sentia fraca e envergonhada, mas que essa era sua vontade e que ela esperava ser bem acolhida aonde chegasse, pois se considerava uma boa pessoa.

Publicidade

Ela ressaltou também que “depressão não é brincadeira”, e que só agora passando por isso que ela entendia bem que era uma doença.

No final da carta ela ainda disse que nada adianta dar conselhos, que as pessoas deveriam ter ficado ao lado dela, lhe dando mais atenção, mas que na verdade ninguém se importaria de verdade com ninguém.

O relato e o ato de Patrícia deixam uma forte reflexão, assim como milhares de pessoas que têm tirado suas vidas por motivos que podem parecer menos importante para os outros.

Depressão é um mal que precisa ser combatido com um maior rigor, pois os números de casos têm alcançado dados alarmantes e a sociedade como um todo precisa se envolver na busca de uma solução para esse problema.

Até o fechamento desta matéria a polícia [VIDEO] ainda não tinha dado maiores esclarecimentos sobre o caso.

Veja o relato na integra:

#Facebook