Quando gostamos de algo ou de alguém, sentimos medo de perder. Seja um sentimento que temos por alguma pessoa, ou até mesmo por alguma coisa, isso é muito mais normal que se imagina.

Mas, algumas pessoas, por mais medo que sentem, consegue conviver com esse sentimento, a ponto de não deixar que isso interfira em sua felicidade. Por outro lado, existem pessoas que, por sentir muito medo da perda, acabam passando do limite e isso traz sérios problemas para sua vida.

Entenda

Quando sentimos medo de perder algo, costumamos cuidar bem - e muito. No que se refere a uma coisa pessoal, algo material, procuramos não deixar que estrague, amasse, rasgue etc.

Publicidade
Publicidade

Mas, quando é por alguém, usamos o ciúme como a arma para a proteção. É exatamente aí que mora o problema.

A possessão pode ser prejudicial ao relacionamento e, com o tempo, o excesso pode acabar desgastando tanto a relação que um dos lados se sente sufocado. E o fim será inevitável.

Por mais que você tente cuidar da pessoa que ama, é preciso aprender a relaxar. Separamos aqui algumas #Dicas para ajudar a manter a calma nessa hora e viver com menos medo da perda:

1) Admita o medo: o primeiro e mais importante cuidado é admitir o medo da perda. Quando você admite que tem medo de perder, você conseguirá ver o que faz para que isso não aconteça. Ou seja, enxergará o seu ciúmes.

2) Aumente a segurança: se você está com muito medo de perder seu parceiro(a), significa que a sua segurança em si mesmo anda baixa demais.

Publicidade

Deixe isso de lado. Lembre-se que, antes de amar alguém, é preciso se amar primeiro. Procure não pensar tanto na perda e invista mais em você mesmo. O que lhe faz sentir diminuída? O que lhe faz sentir que pode perder? Trabalhe para aumentar a segurança no que tanto lhe perturba.

3) Mude a rotina: lembre-se que o mundo já existia muito antes do seu parceiro(a) aparecer. Não precisa parar no tempo. Mude sua rotina, saia com amigos. Pare de viver em função da pessoa. Você também tem uma vida. Cuide dela.

4) Dê espaço para ele(a): as pessoas gostam de privacidade. Ficar o tempo todo no pé da pessoa só irá fazer com que ela se sinta presa, sufocada. Dê espaço. Se ele(a) está com você, é porque gosta, e não tem porque ter medo de perdê-la.

Lembre-se que, ninguém é de ninguém. Na vida, vivemos momentos ao lado de pessoas que amamos, mas nunca devemos nos prender a elas. Aqueles que nos farão felizes sempre estarão ao nosso lado, não tem que se preocupar em fazê-las ficar. Elas ficarão por opção. #Relacionamentos #Curiosidades