O mundo chorou quando #Titanic estreou nos cinemas em 1997. Lembra como começava o filme do Titanic? Uma voz suave, de uma idosa, profere as seguintes palavras: 'Já se passaram 84 anos...'

Nunca na história dos cinemas, um filme que tratava unicamente de um naufrágio conseguiu encantar o público de forma absurda.

O diretor canadense James Cameron, com o filme 'Titanic', conseguiu contar uma das mais românticas histórias de amor, vividas por dois personagens fictícios, Jack Dawson e Rose DeWitt Bukater.

No filme, o casal, que pertencia a diferentes classes sociais, acaba se encontrando, e se apaixona perdidamente.

A bordo do transatlântico Titanic, eles viveram a mais linda história de amor, que foi contada por Rose, já idosa, anos depois, quando uma equipe de resgate de objetos raros e que valiam uma fortuna, resolveram explorar o naufragado Titanic, em busca da joia chamada de 'Coração do Oceano', um enorme diamante.

Publicidade
Publicidade

História do Titanic

No ano de 1912, o navio deixava a cidade inglesa de Southampton, e ia em direção a cidade americana Nova York, no dia 10 de abril.

Mas, depois de 5 dias no mar, o navio acabou batendo em um enorme iceberg, e acabou naufragando.

No filme, o diretor conta a história do naufrágio, com alguns fatos reais, e outros fictícios, incluindo o amor de Rose e Jack.

A atriz que conta toda a história à equipe de resgate, no filme, narra todos os acontecimentos que se passaram desde o dia que saíram para seguir viagem, até o momento mais angustiante do naufrágio.

Rose, a personagem principal, ganhou duas atrizes que a representaram em idades diferentes. Gloria Stuart, que infelizmente já faleceu, e Kate Winslet.

Gloria Stuart, na época tinha do filme, tinha 86 anos, e chegou a receber indicação ao prêmio máximo do cinema americano, o Oscar, como a melhor atriz coadjuvante/secundária.

Publicidade

Infelizmente, o câncer de pulmão a levou. Viveu 100 anos, falecendo no dia 26 de setembro de 2010.

Quando jovem, ela chegou participar de alguns #Filmes, como The Old Dark House (1932), The Invisible Man (1933).

Depois de um tempo, ela largou sua vida de atriz, e dedicou-se à pintura, e chegou a ter várias exposições nos Estados Unidos e na Europa.

Depois 30 anos distante da telinha, ela resolveu voltar e participou de outros filmes, como The Legend of Lizzie Borden (1975) e My Favorite Year (1982).

Em 1997, ela foi convidada para ser Rose, já idosa, e contar a fabulosa história de amor, a bordo do Titanic, o filme que marcou sua carreira.

Veja [VIDEO] como ela quando jovem:

#famosas