Uma Mulher de Belo Horizonte, em Minas Gerais, partiu para uma atitude extrema a fim de conseguir uma refeição. Ana Paula Oliveira, de 38 anos, usou um grupo de Facebook para oferecer seu serviço como faxineira em troca de um prato de comida.

A postagem da mineira comoveu muitas pessoas que viram o anúncio e surpreendeu positivamente a mulher, que não esperava tantas reações e respostas. Na postagem que a mulher fez, ela oferecia a limpeza da casa da pessoa em troca de uma refeição e, além disso, a mineira informava que não era preciso pagar a sua passagem para que fosse realizar o trabalho.

Em entrevista ao site BHAZ, nesta quinta-feira (25), a mulher disse que ficou surpresa com o retorno que recebeu. Ana Paula disse que fez o post em um momento de desespero e que sua intenção era a de conseguir apenas uma resposta, alguém que tivesse interesse na proposta, para que pudesse apagar o post a seguir.

Ana disse que sua surpresa foi que obteve muitas repostas em muito pouco espaço de tempo após a publicação.

Ela disse que sabia que era um risco a exposição a que estava se submetendo, mas que precisava se alimentar. Ana Paula desabafou dizendo que ficou muito emocionada, porque imaginava que receberia muito mais críticas do que ajuda.

A mulher é natural de Belo Horizonte, e, desde o ano de 2013, quando foi dispensada de uma empresa de telemarketing onde trabalhava como operadora de crédito, não consegue um emprego formal.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Mulher

Desde então, a mulher tem trabalhado informalmente para ter onde morar e o que comer.

Ela disse que já trabalhou como ambulante, como vendedora e como diarista nos últimos anos. Ana Paula tem ensino médio e curso na área de informática, e disse que é complicado, pois sabe que tem que ter uma qualificação para voltar ao mercado formal de trabalho.

Ana Paula disse que a maioria das reações à sua postagem foram positivas, mas que recebeu críticas de pessoas dizendo que ela queria aparecer.

Ela desabafou e disse que essas pessoas que acharam isso dela deviam abrir os olhos para enxergarem a realidade de muitas pessoas.

Ana falou que muitos duvidaram que ela estivesse oferecendo a faxina em troca de ter o que comer, mas que já viu muita gente oferecendo o serviço de faxina a R$ 40 em grupos e que isso é devido ao desespero de não ter alimento em casa, nem mesmo oportunidade de emprego.

Ajudas recebidas

Ana Paula disse que muita gente a procurou oferecendo ajuda. Algumas pessoas ofereceram comida e trabalho. Ana disse que tinha faxina fechada até o próximo sábado e que tinha outras mensagens para ainda responder. Além disso, a mulher recebeu ajuda para que possa voltar a trabalhar formalmente. Algumas pessoas doaram roupas para que a mulher possa se apresentar melhor nas entrevistas de emprego.

Ela recebeu também ajuda para fazer e imprimir currículos para entregar em busca de emprego.

Ana desabafou e disse que tudo o que está acontecendo é prova do sobrenatural e que ela pôde ver que as pessoas não são tão frias como muitos dizem. Ana Paula disse se sentir muito grata e que as redes sociais têm muita gente boa e que serve para unir e aproximar essas pessoas.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo