Marta Golpista ficou famosa na internet após um usuário do Twitter fazer uma publicação mostrando um grupo criado para divulgar os supostos calotes dados por ela. O grupo no Facebook conta com mais de 10 mil pessoas, e as publicações são um tanto quanto engraçadas. E não se trata de um golpe ou outro. Nos comentários das postagens é possível encontrar o relato de inúmeras pessoas, todas elas contando experiências próprias de calotes feitos por ela.

A publicação principal já chegou a um total de 17 mil compartilhamentos no Twitter, e já viralizou para outros sites como Facebook e até mesmo em plataformas renomadas como o jornal Extra.

Agora Marta ganhará uma proporção nacional, o que pode --ou não-- afetar sua privacidade na cidade de Uberlândia.

Mas, na verdade, quem é Marta Golpista?

Moradora da cidade de Uberlândia, a Mulher está sendo exposta acusada de consumir e comprar coisas sem pagar. Os relatos chegam a ser inacreditáveis. Há casos em que os usuários relatam que a mulher chega a mentir, afirmando que foi assaltada, em busca de doações de dinheiro.

Segundo os relatos, é comum Marta Golpista aparecer em estabelecimentos como lanchonetes e sorveterias, realizar um pedido e dizer que "esqueceu a senha" na hora do pagamento.

Mas os casos não são somente recentes, pois de acordo com a Polícia Civil há ocorrências de dez anos atrás, até o ano de 2017, no qual Marta deixou uma conta de R$ 240 por usufruir de um salão de beleza, além de levar pares de sapatos e maquiagens do estabelecimento.

Mas não para por aí

Marta Golpista já foi pega pelas autoridades e ainda tentou se safar. No vídeo, Marta diz que depositaram a confiança nela e depois a acusaram de dar o calote. Mas de tanto brincar com a confiança dos outros, Marta agora é alvo de toda a internet.

Como Marta não teria deixado de praticar seus calotes, a população de Uberlândia viu a necessidade de criar um grupo que alertasse outras pessoas de possíveis golpes da moradora.

Hoje em dia, ela é perseguida e até ficou conhecida na cidade com o nome de Marta Golpista.

Mas sua privacidade teve fim, já que ao sair de casa o grupo voltado para suas publicações já começa a receber atualizações sobre onde Marta está.

A internet, como sempre, não perdoa. Muitos utilizam-se da imagem de Marta para criar memes e ajudar na disseminação da imagem da moradora de Uberlândia.

Siga a página Fofocas
Seguir
Siga a página Mulher
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!