No final da tarde do último sábado (19), uma das câmeras de segurança de um condomínio localizado no bairro Praia da Baleia, na Grande Vitória, registrou o momento em que uma criança de apenas 3 anos é salva por um homem após cair e começar a se afogar em uma piscina do local. As imagens do sistema de monitoramento flagraram o instante em que o menino subiu a grade de proteção do playground ao lado da piscina e seguiu em direção à piscina infantil. Ele entrou e permaneceu lá por alguns minutos até que resolveu sair e entrar na piscina adulta junto com as outras crianças maiores, sem que nenhum adulto ao redor percebesse.

Devido à profundidade da piscina, o garoto não conseguiu ficar de pé, e logo afundou sem que as outras duas crianças que estavam próximas vissem que ele estava se afogando, permanecendo completamente submerso por aproximadamente 20 segundos até que um funcionário que fazia ronda próximo ao local reparou o menino debaixo d'água e logo o puxou pelos braços para fora da piscina. Confira abaixo:

Funcionário relatou alívio por conseguir salvar a criança a tempo

O funcionário que salvou a vida da criança foi identificado como Alex Sando Lima.

Ele trabalha como porteiro do condomínio. Ao ser entrevistado, comentou que percebeu um inicio de afogamento quando viu o menino com as mãos para cima e, sem pensar duas vezes, correu para puxar o garoto para fora. Ele ainda contou que quando ele saiu da água estava bem, no entanto, bastante assustado.

A piscina adulta tem pelo menos um metro e meio de profundidade.

O acidente aconteceu enquanto a tia do menino saiu para buscar água para ele. Ela estava o observando enquanto ele brincava no playground cercado por grades, e o descuido aconteceu quando o menino pediu água para a tia que é moradora do condomínio.

O porteiro contou que nunca tinha passado por uma situação desse tipo, e a criança não precisou passar por um atendimento médico.

Alex era o único porteiro para fazer a ronda noturna no dia, e o sentimento ao salvar a criança, segundo ele, é de alívio por ter conseguido resgatá-lo a tempo.

Ele expressou sua ação. "Primeiramente agradeço a Deus por estar no local certo e hora certa porque eu poderia estar em outro lugar, o condomínio é bastante grande. Mas graças a Deus deu tudo certo", comentou. Além disso, reforçou o pedido para que os responsáveis pelas crianças nunca as deixem sozinhas ao redor de piscinas. Nesta última segunda-feira (21), o local das piscinas foi fechado para manutenção

Siga a página Curiosidades
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!