O jornalista Ricardo Boechat é uma das vítimas da queda de um helicóptero na rodovia Anhanguera, zona oeste de São Paulo. A notícia que já repercutia nos veículos de imprensa dava conta de que a aeronave havia caído em plena rodovia por volta das 12h e que havia vitimado o piloto e o copiloto. Minutos depois do terrível acidente, a Band soltou uma nota informando que uma das vítimas no helicóptero era Ricardo Boechat, funcionário da casa onde apresentava, além de programas na rádio BandNews FM, o 'Jornal da Band', principal jornalístico da emissora, que vai ao diariamente em horário nobre.

Publicidade

O jornalista tinha 66 anos e era nascido na Argentina. Também era um dos jornalistas mais premiados de todo o Brasil, com três prêmios Esso. Já no Prêmio Comunique-se, ele era absoluto. Além de ser o mais premiado da história da premiação, ainda ganhou em três categorias diferentes.

Muito querido no meio jornalístico, assim que a sua morte foi confirmada, as TVs e jornais de todo o país ampliaram a cobertura em relação ao acidente. Segundo informações preliminares do "Jornal Hoje", da Globo, o helicóptero onde estava Boechat tinha duas pessoas a bordo e os dois morreram.

As imagens revelam que quase nada sobrou da aeronave, que é considerada segura por especialistas. O helicóptero tinha capacidade para cinco pessoas e, a princípio, teria saído de Campinas e pousaria no heliponto da Band, na zona sul de São Paulo. Esta informação ainda precisa ser confirmada pelas autoridades.

O Cenipa já informou que iniciou as investigações para apuração das condições do acidente.

Acidente aéreo vitima jornalista da Band

O helicóptero caiu nesta segunda (11) em cima de um caminhão que trafegada na rodovia Anhanguera, muito próximo ao pedágio do Jabaquara, no Rodoanel.

Publicidade

A aeronave, que caiu em cima de um caminhão, também fez um ferido, que é o motorista do caminhão. Entretanto o homem não precisou de socorro, sofreu apenas pequenas escoriações e já estava em condições de dar seu depoimento às autoridades.

O local do acidente foi completamente isolado pela Polícia Rodoviária Federal, aguardando a perícia chegar. O acidente aconteceu no sentido Campinas da via, um dos principais acessos ao interior do estado. Ainda segundo a Globo, a identidade do piloto será confirmada em breve, mas o primeiro nome seria Ronaldo.

Boechat já trabalhou na Rede Globo, com passagens pelo "Jornal da Globo" e o "Bom Dia Brasil", e atualmente estava na Band, onde era âncora do "Jornal da Band", na BandNews FM e também era colunista de uma revista importante de circulação nacional.