Duas pessoas morreram na manhã deste sábado (4), após um acidente envolvendo um caminhão e um ônibus que transportava a equipe sub-15 do Bahia, que havia saído de Salvador e viajava até São Paulo, onde o time iria disputar a Copa Nike da categoria. O Acidente aconteceu por volta das 5h30 da manhã, na altura do quilômetro 236 da BR-251 (Rodovia Rio-Bahia), próximo à cidade de Santa Cruz de Salinas, em Minas Gerais. O trecho chegou a ficar totalmente interditado.

Os dois veículos bateram de frente e tanto o motorista do caminhão, identificado como Carlos Oliveira Pacheco, quanto o da carreta, que não teve a identidade revelada, ficaram presos às farragens e morreram.

Os feridos foram levados para hospitais de Salinas e Taiobeiras, além de Montes Claros. Ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), viaturas do Corpo de Bombeiros e uma aeronave foram destacadas para prestar atendimento.

No ônibus, além dos dois motoristas, um que estava na direção e outro reserva, também estavam 16 jogadores e seis membros da comissão técnica. Nove desses passageiros receberam atendimento e cinco deles já foram liberados.

O Bahia emitiu uma nota oficial na qual informou que o caso envolvendo seus atletas e comissão técnica não é grave. “Nossos jovens atletas estão bem”, dizia parte do texto. “Mas alguns integrantes da comissão técnica foram encaminhados para atendimento médico”, seguiu a nota. Segundo informações do portal UOL, pelo menos uma das vítimas do acidente, que seria o motorista reserva do ônibus, encontrava-se em estado grave.

Ele foi a vítima que precisou ser socorrida de helicóptero.

Marcelo Vilhena, coordenador das divisões de base do Bahia, foi enviado até o local para prestar atendimento aos atletas e funcionários. A MS Turismo, dona do ônibus que havia sido fretado pelo Tricolor, também mandou representantes. Segundo a empresa, o motorista era bastante experiente.

Carreta teria entrado na contramão

De acordo com as primeiras informações passadas pela Polícia Rodoviária Federal, o motorista da carreta teria invadido a pista contrária e provocado a batida frontal entre os veículos. O caminhão estava carregado de eletrodomésticos e parte da carga foi saqueada por populares. Imagens que circulam nas redes sociais mostram pessoas tirando objetos do caminhão.

A maioria desses produtores seriam ventiladores.

Vitória presta solidariedade

Por meio de sua conta no Twitter, o Esporte CIube Vitória, principal rival do Bahia, manifestou solidariedade por conta do acidente. Em nota, o clube rubro-negro disse que lamenta o acidente e que deseja pronto restabelecimento aos feridos.

Siga a página Polícia
Seguir
Siga a página Futebol
Seguir
Siga a página Política
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!