Padre Fábio de Melo decidiu abandonar seus sete milhões de seguidores no Twitter nesta sexta-feira (9). A decisão foi tomada pelo religioso após as centenas de mensagens negativas que recebeu depois de ter criticado a 1ª “saidinha” de Dia dos Pais de Alexandre Nardoni, preso por matar em 2008 a filha Isabella Nardoni, na época com cinco anos.

Para justificar ter abandonado a rede social, Fábio disse ter tomado tal decisão para preservar sua saúde mental.

O padre disse saber o quanto já provou da solidão provocada por uma depressão e pelo pânico, devido a isso diz ter uma saúde emocional a ser cuidada.

Além disso, Melo também declarou que tomar remédio só faz sentido quando evitamos os gatilhos dos desconfortos. “Este lugar deixou de ser saudável pra mim”, declarou.

Padre fala de depressão desde 2017

Fábio de Melo começou a relatar sobre seu tratamento contra depressão e síndrome do pânico em 2017.

Recentemente, virou um dos personagens de uma nova série do programa dominical “Fantástico”, da Rede Globo, que falará sobre o tema junto com o médico Drauzio Varella.

Melo ganhou destaque nas redes sociais devido a suas piadas e memes. No entanto, mensagens de conforto enviadas a alguns de seus seguidores também ficaram famosas na web.

Agora, ao se despedir das redes sociais, o padre demonstra não se incomodar com os diferentes pensamentos das pessoas.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Famosos Religião

“Nunca tive dificuldades com as diferenças”, declara Melo, que completa dizendo que seu ministério foi sempre exercido entre elas.

Citando sua crítica feita sobre a “saidinha” de Nardoni, Melo diz que desde que expressou sua indignação com tal benefício vem sendo muito julgado na rede social, e alguns seguidores chegaram a usar palavras como desonesto, desinformado e canalha para se referir ao religioso. Sobre o assunto, o padre reitera já ter atuado na pastoral carcerária e diz saber da necessidade de ressocialização dos detentos.

Crítica de Fábio de Melo

Ontem, após ser anunciado que o detento Alexandre Nardoni foi beneficiado com a saída temporária de Dia dos Pais, o padre Fábio de Melo fez questão de expressar sua indignação sobre o ocorrido em seu Twitter.

Ao comentar uma notícia publicada pelo G1 sobre o assunto, o religioso ressaltou não entender de leis, mas diz que para ele a “saidinha” só deveria ser permitida nesses casos no dia de Finados, para que assim os detentos fossem visitar os túmulos dos que eles mataram.

Vale lembrar que Alexandre Nardoni cumpre pena desde 2008, após ser condenado pela morte de sua filha Isabella Nardoni, na época com cinco anos. Além de Alexandre, sua esposa, Ana Carolina Jatobá, também cumpre pena pelo mesmo crime, e, assim, como o pai de Isabella, também foi beneficiada com a “saidinha”.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo