A Defesa Civil de Minas Gerais atualizou o número de vítimas fatais em razão das fortes chuvas que atingiram o estado nesta semana. De acordo com o órgão, 30 pessoas morreram entre sexta-feira e sábado. Após a divulgação desse número, foram encontrados mais três corpos desabamento em Engenheiro Nogueira, no Anel Viário de Belo Horizonte. A idade e o sexos dessas novas vítimas não foram divulgados.

Segundo informação passada pelo comandante-geral do Corpo de Bombeiros, coronel Edgar Estevo, as mortes ocorreram em Belo Horizonte, Ibirité e Betim, porém ele não detalhou o número de óbitos de cada cidade, apenas informou que eles ocorreram em deslizamentos de terra e soterramentos.

Vítimas

Neste sábado (25), os Bombeiros resgataram dois corpos que estavam soterrados após deslizamento na Vila Bernadete, na Região do Barreiro. Por volta das 18 horas, os trabalhos de buscas no local precisaram ser suspensos porque voltou a chover forte.

Em Ibirité, na Região Metropolitana de BH, três pessoas morreram em decorrência das chuvas e uma jovem de 23 anos segue desaparecida. Já no bairro Jardim Alvorada, na Região da Pampulha, os Bombeiros ainda seguem as buscas por cinco pessoas que estariam soterradas sob os escombros.

Informações preliminares davam conta que seriam dois adultos e três crianças.

Na cidade de Betim, no bairro Jardim Teresópolis, os Bombeiros seguem as buscas por um homem de 48 anos. No mesmo local o corpo de uma adolescente de 17 anos foi encontrado por volta das 17h20 deste sábado. Na noite anterior, uma criança foi resgatada do local com vida.

Em contagem as equipes de resgate encontram o corpo de Yury da Costa Andrade, de 23 anos, que havia sido vítima de um desabamento ocorrido na sexta-feira.

Durante esse resgate aconteceu um novo desabamento, soterrando alguns bombeiros, que felizmente tiveram apenas ferimentos. Eles foram atendidos em um hospital da região.

Recorde de chuva

Até o final da tarde deste sábado eram contabilizados sete feridos, 17 pessoas estavam desaparecidas, outras 911 estavam desabrigadas além de 2.620 desalojados.

Belo Horizonte teve entre quinta e sexta-feira o dia mais chuvoso da história da cidade desde quando a medição começou a ser feita, há 110 anos.

Naquelas 24 horas choveu 171,8 milímetros na capital mineira.

Três irmãos morrem no interior

Em Alto Jequitibá, no interior de Minas Gerais, três irmãos morreram soterrados após a casa em que moravam desabar na sexta-feira (24). Os pais das crianças também estavam no imóvel na hora do desabamento, mas sobreviveram. Eles estavam em outro quarto.

O filho mais velho, de 11 anos, ainda chegou a ser resgatado com vida, mas morreu no hospital. As outras vítimas tinham seis anos e um ano e dez meses.

Na mesma cidade uma idosa também morreu.

Siga a página Polícia
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!