Agentes de saúde da cidade de Araçatuba, no interior de São Paulo, tentam localizar um jovem de 25 anos que disse estar apresentando os sintomas do coronavírus. Na última quinta-feira (12), ele compareceu até uma unidade de saúde da cidade e disse que estava com tosse, febre e havia voltado da Itália. O rapaz então foi encaminhado para uma sala de isolamento, mas desapareceu antes que o material pudesse ser colhido.

Um boletim de ocorrência foi registrado por uma das enfermeiras e a prefeitura informou que está realizando buscas, denominadas busca ativa, a fim de descobrir o paradeiro do paciente.

Uma equipe foi até sua casa, mas os familiares disseram que ele não apareceu por lá.

Eventos de massa proibidos na capital

A Prefeitura de São Paulo, através do prefeito em exercício Eduardo Tuma, determinou nesta sexta-feira (13) o cancelamento de todos os eventos de massa na capital. A decisão foi tomada após se registrado um aumento do número de casos do coronavírus.

A medida serve para eventos políticos, culturais, esportivos, artísticos, comerciais e governamentais dos quais haja aglomerações de pessoas.

O Paço pediu ainda que eventos privados sejam evitados. Essas medidas são válidas por tempo indeterminado.

Já o governo federal liberou uma verba de 92 milhões para o estado de São Paulo. O montante é para que seja adquiro mil leitos de UTI para serem usados por pacientes que possam vir a contrair a doença e que estejam em estado grave.

Jogos do Paulistão com portões fechados

Os jogos deste final de semana do Campeonato Paulista que serão disputados na cidade não terão público.

Assim, o jogo de sábado entre São Paulo e Santos, no Morumbi, e o entre Corinthians e Ituano, na Arena, serão realizados sem a presença de torcedores. A medida também atende a uma determinação do Ministério da Saúde.

Até a manhã desta sexta-feira (13), o São Paulo já havia comercializado aproximadamente de 16 mil ingressos para o clássico e a diretoria do clube disse que irá ressarcir os torcedores.

Já sobre as entradas compradas para o jogo contra o River Plate, pela Copa Libertadores da América, que estava marcados para a próxima terça-feira (17), o clube explicou que o torcedor poderá usá-lo na nova data em que o jogo for marcado ou pedir seu ressarcimento.

O Corinthians, por sua vez, suspendeu a venda de ingressos para o jogo deste final de semana contra o Ituano e também da rodada seguinte, o clássico contra o Palmeiras. Além disso, vários serviços oferecidos dentro do Parque São Jorge, como piscinas, academias e restaurantes, foram fechados por uma semana para evitar a disseminação do vírus.

As peneiras no clube também foram suspensas.

Siga a página Coronavirus
Seguir
Siga a página Futebol
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!