O cantor Dinho Ouro Preto fez uma publicação nas redes sociais nesta quarta-feira (25), onde disse que testou positivo para o coronavírus. Ele descreveu a sensação que está sentindo com a de outra perigosa doença, que contraiu alguns anos antes, a dengue.

“O que eu tô sentindo me lembra a dengue que eu tive alguns anos atrás”, disse. “Dor no corpo, febre (no meu caso de no máximo 38,5) náusea e frio”, seguiu o artista, que chamou atenção para o fato de não ter sentido dor de garganta ou tosse, o que lhe faz acreditar que os sintomas possam variar de pessoa para pessoa.

Ele ainda fez um alerta para pessoas que tiveram contato com ele nos últimos dias e que irá se isolar em quarentena. “Não vou ser hospitalizado, vou me isolar em casa mesmo. Saúde pra todos vocês”, falou.

Lista de famosos que pegaram coronavírus

Dinho é mais um famoso brasileiro a ser diagnosticado com o novo coronavírus. O cantor Di Ferrero testou positivo no último dia 12. Dois dias depois foi a vez da cantora Preta Gil também revelar que havia contraído a doença.

A lista segue com a influencer Gabriela Pugliesi, a apresentadora e ativista Luiza Mell e o cantor Xandy Avião.

Dos artistas internacionais, fazem parte desse grupo o tenor Placido Domingo e os atores Idris Elba e Tom Hanks, além de suas respectivas esposas.

Paciente curada fala sobre a doença

Apesar de diariamente haver registros de novos casos no Brasil de coronavírus, há pessoas no país que já se curaram da doença, como é o caso da advogada Daniela Teixeira, de 48 anos, que mora no Distrito Federal. Ela foi diagnosticada com a doença em 16 de março.

Falando ao portal G1, a advogada disse que os “sintomas leves” persistiram por uma semana. Segundo ela, a sensação era muito parecida com uma gripe e disse que sentia medo e preocupação.

Depois que uma amiga testou positivo, ela decidiu também fazer o teste, uma vez que as duas estiveram participando juntas de um congresso no Ceará. Ela conta que nesse evento, realizado em 6 de março, as pessoas trocaram muitos brindes, beijos e abraços.

Naquele momento, de acordo com Daniela, não havia ainda a preocupação real com o coronavírus.

Após oito dias dentro de casa em quarentena com o marido e os dois filhos, nesta terça-feira (24), ela recebeu a boa notícia que já estava curada. Apesar disso, ela terá que ficar mais uns dias dentro de casa, uma vez que os médicos disseram que ela só poderia sair do isolamento no próximo dia 1º.

Até a noite desta terça-feira (24), o Distrito Federal tinha 177 casos confirmados do novo coronavírus. Desses, além de Daniela, que já se curou, 168 estavam em isolamento domiciliar e oito seguiam internado.

Não foram registras mortes na capital federal por conta do coronavírus.

Não perca a nossa página no Facebook!