Nesta última segunda-feira (9), a estudante de medicina veterinária Maria Eduarda Catão, conhecida por ter sido a princesa do Jaguariúna Rodeo Festival 2019, morreu devido a uma doença rara.

Recentemente, a estudante descobriu que tinha uma doença autoimune que atacou o fígado, segundo relatos dos familiares publicados nas redes sociais.

A jovem faleceu na segunda-feira e, um dia depois, foi enterrada. Nas redes sociais, amigos e familiares desabafaram sobre a perda da estudante. A mãe pediu orações pelo estado de Saúde da filha no final de outubro. Ela explicou que a filha sofria com uma doença autoimune e que estava internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital das Clínicas da Unicamp, no interior de SP.

A mãe informou na publicação que Maria estava passando por um tratamento e usando medicamentos. Ela também falou sobre a sua fé e na esperança de que ela fosse curada.

Organização de rodeio lamenta a morte Maria Eduarda

Após a morte da estudante, a organização do rodeio de Jaguariúna lamentou a perda e publicou uma homenagem para ela nas redes sociais. Na mensagem dizia que Maria tinha feito parte da história da organização do rodeio da cidade e que sempre será princesa. Também desejaram força aos familiares e amigos neste momento difícil.

Quando Maria Eduarda saiu candidata ao concurso do rodeio, ela solicitou aos amigos para que a ajudasse votando nela. Ela então conseguiu e ganhou o concurso como princesa do rodeio.

Na época ela postou algumas imagens ao lado de famosos no evento e publicou um vídeo de uma entrevista que fez. Nela, a estudante de veterinária disse que ganhar o concurso e estar perto da rainha do rodeio era algo maravilhoso, e falou da importância de estar representando sua cidade.

Familiares e amigos lamentam

A morte de Maria Eduarda foi sentida por amigos e familiares. A irmã dela postou um desabafo emocionante em sua conta do Instagram. Ela afirmou que o corpo da irmã tinha ido embora, porém a alma iria permanecer. Ela também disse que sentia como que um pedaço dela havia sido arrancado com a morte da irmã, pois elas eram inseparáveis e falou do vazio que sentia.

A irmã de Maria também lamentou e disse que poderia ter aproveitado mais a companhia dele e demonstrado o quanto a amava.

Amigos da princesa do rodeio também expressaram a tristeza com a morte dela. Um deles agradeceu as orações das pessoas que intercederam pela estudante e ressaltou que ela foi guerreira. Outro amigo disse que a saudade tinha batido forte porque sabia que Maria não iria mais lhe mandar mensagens.

Siga a página Saúde
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!