Muitos já devem ter ouvido falar de Joaquin "El chapo" Guzman, provavelmente o mais famoso líder do cartel de drogas no mundo que ainda esteja vivo. Ele é um senhor da droga mexicano, que estava anteriormente preso no México, mas protagonizou fugas semelhantes as de um filme.

Algum tempo depois de sua fuga, as Forças Especiais mexicanas conseguiram pegá-lo novamente [VIDEO], só que, dessa vez, eles o enviaram para uma prisão de segurança máxima nos Estados Unidos. Agora a pergunta de muitos é como "El Chapo" está se saindo, vivendo em uma prisão dos EUA e este artigo responde como é sua rotina.

Ele poderia estar ficando louco

Uma prisão de segurança máxima é um daqueles lugares onde uma pessoa pode facilmente perder a cabeça.

As luzes e o ar-condicionado permanecem ligados o tempo todo, e El Chapo praticamente não tem horas livres para sair de sua cela. Um psicólogo disse que ele ficaria louco.

Ele está em uma cela minúscula

El Chapo está alojado em uma cela bastante pequena - tem 6 x 2 metros de tamanho e não tem janelas. Além disso, ele também não tem uma televisão (então, ele não tem contato com o mundo exterior) e pode ouvir o rádio uma vez por dia por apenas alguns minutos.

Ele não tem sentido do tempo

Como uma punição, as autoridades dos EUA removeram o relógio de El Chapo, que combinado com seu estilo de vida sedentário e sem possibilidade para sair ou ter janelas em sua cela, significa que ele perdeu toda sensação de temp. Ele não tem ideia se é o dia ou a noite.

Ele não pode ter visitantes

Não só El Chapo é proibido de ter qualquer visitante (e isso é para toda sua vida), como também não tem permissão para falar ou ver outros prisioneiros.

Além disso, ele também não pode sequer conversar com a pessoa que está trazendo-lhe sua comida.

Ele pode se exercitar uma hora por semana

Devido ao regime prisional restrito, as autoridades dos EUA devem ser responsáveis ​​por todas as horas da vida de El Chapo. Isso significa que mesmo o exercício é uma potencial via de fuga [VIDEO] para o poderoso criminoso.

É por isso que eles só permitem que ele faça seus exercícios por 1 hora por semana. A "academia", que é realmente uma cela que ele tem acesso, possui apenas uma bicicleta ergométrica e uma esteira.

A barreira linguística

Até onde se sabe, El Chapo não fala uma palavra de inglês, apesar de vender toneladas de drogas para países de língua inglesa ao redor do mundo. Isso significa que os guardas não tem como conversar com ele.

Ele não tem direitos comuns

Devido à gravidade de seus crimes e tentativas de fuga, El Chapo basicamente não tem direitos que outros prisioneiros costumam ter. Ele não tem direito a um único telefonema, o que significa que ele nunca terá a capacidade de entrar em contato com outro membro da família.

Sua saúde deteriorou-se

De acordo com os advogados de El Chapo, a saúde do traficante se deteriorou muito nos últimos anos desde sua prisão. Ele sofre de enxaquecas graves e frequentes, tem problemas para respirar e se queixa de ouvir excesso de ruído e vozes enquanto está na cela.

Suas refeições são passadas através de uma abertura na porta

De acordo com alguns documentos vazados que descrevem a situação de El Chapo, ele só pode receber refeições que são passadas por uma pequena abertura na porta. Depois de obter sua refeição, ele come sozinho, sem falar uma única palavra com outro ser humano.

As luzes estão sempre ligadas

Os documentos continuam descrevendo sua situação, dizendo: "A luz está sempre ligada. Com o ar-condicionado ligado, muitas vezes não possui roupas quentes suficientes para evitar o tremor". Não se tem certeza se o ar-condicionado é proposital, como uma maneira de torturá-lo, ou devido a algum problema técnico.

Ele está sendo mantido em Lower Manhattan

A parte mais estranha desta história é o local onde El Chapo está cumprindo sua pena não é uma ilha remota ou deserto. Curiosamente, ele está vivendo em uma região movimentada, o Centro Metropolitano de Correção, uma prisão na parte baixa de Manhattan, às vezes chamado de "Guantánamo de Nova York".