Na próxima segunda-feira (11) comemora-se o Dia do Solteiro, e mais do que posts nas redes sociais ou saídas para comemorar esta data, as pessoas que não ostentam uma aliança nas mãos ganharam descontos de duas empresas de comércio, como uma pré-Black Friday, ou melhor, uma Black Monday.

O evento que já é uma tradição chinesa, e aclamado por diversos países, surge como uma oportunidade para os consumidores brasileiros.

Empresas grandes, como a chinesa AliExpress e a brasileira Americanas prometem que esta prévia será imperdível e com descontos ainda maiores do que os da Black Friday, prevista para o dia 29 de novembro.

Pensando em estratégias para cativar o público brasileiro, desde o início do mês a plataforma chinesa tem observado as ações dos consumidores no site, para assim identificar os produtos mais desejados pelo público e os descontos que serão aplicados.

Dentre os itens mais procurados estão produtos como eletrônicos, roupas, peças de carro, bicicletas e brinquedos, que lideram as listas de desejos. Entretanto, a marca salientou que os descontos aplicados dependem também dos parceiros da AliExpress, mas a plataforma promete que descontos poderão ser aplicados até mesmo nos produtos que já possuem desconto.

A data surge como uma oportunidade para os que já estão sedentos a procura de descontos para as compras de fim de ano e querem aproveitar os descontos para economizar.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Negócios Mundo

Como algumas pessoas temem esperar pela Black Friday, com medo de que a encomenda não chegue a tempo para o Natal, esta pode ser uma boa oportunidade.

Uma outra marca que promete participar da data é a Americanas, com descontos e frete grátis para mais de 8 milhões de itens vendidos diretamente da China. Segundo a empresa, os descontos englobarão os mais diversos produtos, como fones de ouvido, drones, perfumes, e relógios, por exemplo.

Origem do evento

Embora o evento não seja tradicional, tão pouco esperado no Brasil, a data irá completar uma década neste ano. Na China, a "Black Monday" acontece desde 2009, sempre no dia 11/11, data em que se comemora também o Dia do Solteiro. No país, o evento acabou virando sinônimo de compra online. Em seu ano de estreia, gerou uma receita de US$ 7,8 milhões, e a cada ano a magnitude do evento só vem aumentando.

Só em 2018, o evento movimentou US$ 53 bilhões em vendas e, neste ano, a contagem regressiva do evento por lá contará com a presença da cantora Taylor Swift.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo