A importância do pré-treino deve ser constantemente ressaltada. Isso porque é a energia que o corpo acumulará para uma sessão de treinos, sejam eles aeróbicos ou anaeróbicos. Indispensavelmente esta refeição deve ser feita, mas em muitas das vezes se vê pouca atenção a ela.

Acaba que a ingestão de algumas bolachas ou iogurtes minutos antes do treino é tratada como o pré-treino de muitos, e isso pode proporcionar consequências sérias ao corpo. O alimento precisa ser bem absorvido, para que assim o corpo possa usar desta energia durante toda a carga de atividade física a ser realizada.

Além de toda a quantidade de nutrientes necessários para consumo, é fundamental se ater à refeição que antecede o treino.

Ela será o fator principal do bom rendimento, ou apenas uma atividade mal executada, mal nutrida e mal aproveitada.

A composição do pré-treino

Primeiramente é necessário definir o que se deve compor como refeição. Antes de tudo, o cardápio deve proporcionar a quantidade adequada de nutrientes que promoverão a energia necessária para a realização da atividade física. Proveniente, sobretudo, de carboidratos de baixo índice glicêmico (batata-doce, por exemplo), proteínas de alto valor (brócolis), vitaminas, minerais (frutas) e hidratação (água).

Esse pequeno cardápio varia muito segundo o momento do treinamento físico. No período da manhã, tarde e noite, o corpo trabalha de maneira diferente. No entanto, as quantidades precisam ser suficientes, e abranger mais carboidratos do que qualquer outra substância.

Há os casos em que se adicionam gorduras e fibras às refeições. Mas isso trata mais especificamente de quem treina no período noturno. Para quem treina no período da manhã ou tarde, a inserção de gorduras ou fibras pode ocasionar problemas gastrointestinais, já que outros nutrientes necessários ao corpo para receber esse tipo de substância ainda não foram ingeridos.

Benefícios do pré-treino adequado

A alimentação que antecede o esforço físico é essencial. Assim, temos os motivos para adotar um bom pré-treino, e, assim, otimizar seu treinamento. Não importa se é aeróbico ou anaeróbico, o pré-treino é indispensável para qualquer praticante de academia.

  • Propicia a força necessária para a realização concreta dos exercícios físicos;
  • Compõe a nutrição diária necessária que todo atleta (profissional ou amador) necessita para as atividades físicas;
  • Segundo especialistas, a refeição representa 75% do sucesso que o treino terá o corpo. Isso se deve ao fato de ele ser o componente principal do corpo no momento de intensidade;
  • Uma alimentação antes do treino (como também a pós-treino) será a única forma de alcançar 100% dos objetivos ao ingressar em uma academia;
  • O corpo dos sonhos é uma aliança de musculação + estilo de vida + alimentação. Um desequilíbrio em qualquer dos três pontos, e o sucesso ficará distante.

Portanto, cerca de 1h ou 1h30 antecedendo a atividade física, consumir uma pequena refeição completa será essencial para um treino de sucesso.

Dessa forma, o corpo alcançará os seus objetivos, e a evolução será nítida.

O pré-treino é fundamental

Assim, é fundamental a realização do pré-treino de qualidade. Ele dá o suporte necessário ao organismo para a prática de exercícios físicos. Sem ele, o corpo fica à mercê das reservas energéticas, podendo trazer graves consequências ao longo da atividade física, como desmaios, por exemplo.

Por esse motivo, fazer uma alimentação balanceada antes do treino não é apenas comer para ir à academia malhar e ficar sarado(o). Realizar um pré-treino de qualidade é compromisso com o próprio corpo. Provendo Saúde e bem-estar ao seu bem mais precioso.

Siga a página Saúde
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!