Nesta quinta-feira (19), às 13h30 (de Brasília), Odair Hellmann, novo técnico do Fluminense, será oficialmente apresentado no CT Carlos Castilhos, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro. Substituindo Marcão, que volta a ser auxiliar-permanente, o futuro comandante tricolor dirigiu nos últimos dois anos o Internacional. Pela agremiação gaúcha, disputou 116 partidas, obtendo 61 vitórias e 27 empates, além de 28 derrotas, representando um aproveitamento de 60%.

Odair já teve uma passagem pelo Flu, mas como jogador. Em 1999, fez parte do grupo que esteve na Série C do Campeonato Brasileiro.e, inclusive, fez um gol, o da vitória de 1 a 0 sobre o Dom Pedro, equipe do Corpo de Bombeiros de Brasília, no Maracanã, partida essa realizada no dia 13 de setembro daquele ano.

Agora como treinador, o catarinense de Salete terá, novamente, um árduo trabalho, pois, assim como da primeira vez em que esteve nas Laranjeiras, o Fluminense atravessa uma grave crise financeira e luta para manter os seus principais jogadores. Os caos mais emblemáticos são os do lateral-esquerdo Caio Henrique e do volante Allan. Emprestados, respectivamente, por Atlético de Madrid-ESP e Liverpool-ING, ambos negociam para permanecer no clube carioca, mas também são alvos de outros grandes clubes do Futebol brasileiro.

Cruzeiro impõe condição para liberar Digão ao Flu

Outro atleta que o Fluminense vem tentando manter para 2020 é Digão. Nesse caso, o Cruzeiro, detentor dos direitos federativos do jogador, mostra-se aberto a liberá-lo, mas exige que o Tricolor fique responsável por pagar 100% dos salários do zagueiro.

“Alguns que tinham para voltar, não vão voltar. Um deles é o Digão, que deve continuar no Fluminense, depende só de acertos com o clube de lá. A gente só empresta se o Fluminense arcar com todo o salário”, declarou o o vice-presidente executivo de futebol do clube mineiro, Márcio Rodrigues, ao Globoesporte na última quarta-feira (18).

Caso, porém, Digão consiga rescindir o contrato, que se encerra no meio de 2020, com o Cruzeiro, que busca reduzir os custos por conta do rebaixamento para a Série B do Campeonato Brasileiro, o Fluminense fica liberado de seguir a imposição dada pela Raposa para consegui a permanência do defensor.

Divulgada datas das partidas pela Sul-Americana

No final da noite desta quarta-feira, a Conmebol divulgou as datas e os horários dos dois jogos entre Fluminense e Unión La Calera, do Chile, válidos pela primeira fase da Copa Sul-Americana de 2020.

Tricolores e chilenos fazem a partida de ida no próximo dia 04 de fevereiro, às 21h30 (de Brasília), no Maracanã.

Duas semanas depois, dia 14 de fevereiro, a partir das 19h15 (de Brasília), ambos se enfrentam na casa do La Calera.

No ano passado, o Flu chegou até as quartas-de-final da Sul-Americana,sendo eliminado, na ocasião, pelo Corinthians. O seu melhor resultado no torneio foi em 2009, quando decidiu o título com a LDU de Quito, mas acabou ficando com o vice-campeonato.

Siga a página Futebol
Seguir
Siga a página Fluminense
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!