Em 1995, pessoas em todo o mundo assistiam abismadas as perturbadoras imagens de uma suposta autópsia alienígena, feita em um extraterrestre capturado em Roswell (Novo México, EUA), após a alegada queda de um ovni num rancho da cidade, em 1947. No Brasil, o programa Fantástico (Rede Globo) exibiu as imagens ainda naquele ano.

Apesar da gravação impressionar até mesmo os mais céticos da época, anos depois a fraude foi descoberta. Porém, até hoje, entusiastas e conspirólogos continuam a afirmar a veracidade da necropsia, sob alegação de haver uma grande conspiração para desqualificá-la.

Contudo, o autor da montagem, Spyros Melaris, 58 anos, durante palestra no Leicester Square Theatre, em Londres (Inglaterra), no domingo (24), sacramentou o assunto de vez, ao contar detalhes dos procedimentos usados na Farsa do documentário batizado “Alien Autopsy”.

Ele informou à plateia e à imprensa, que a cena sequer aconteceu nos Estados Unidos. Disse que tudo foi gravado ali mesmo, num apartamento na região norte de Londres.

Ainda ressaltou o fato do alienígena ter sido elaborado pelo amigo John Humphreys, conceituado especialista em efeitos especiais, que inclusive trabalhou na renomada série inglesa de ficção Dr.Who, em exibição até hoje no canal Syfy.

Sobre as roupas de cirurgião e os instrumentos médicos usados na década de 40, Melaris explicou que os obteve por meio de provedores de suporte no Reino Unido e nos Estados Unidos.

Já os misteriosos ‘patologistas do governo’, que aparecem dissecando o alien, eram o irmão dele e a sua namorada na época. Os órgãos em questão, filmados com destaque, foram obtidos de vacas e cordeiros, em um açougue próximo.

Inclusive, ele acrescentou outro aspecto curioso a respeito da montagem.

Em dúvida sobre o material a ser utilizado para falsificar o cérebro, o trio chegou a pensar em usar geleia de framboesa. Porém, ela não foi empregada porque “era muito escura”.

Embora Melaris assuma ter se divertido com a fictícia necropsia, ele também argumenta espanto com a estrondosa repercussão do vídeo.

“Gostaria de dizer agora que há uma grande parte de mim que sente remorso.

Subestimei a resposta. A realidade é que todos na comunidade de ovni tomaram este filme como a prova de ovnis e alienígenas", assumiu.

Confira abaixo a reportagem exibida pelo Fantástico, em 1995. O programa entrevistou especialistas que acreditavam na autenticidade das imagens e profissionais em efeitos especiais, que já questionavam as características do alien.

E você leitor, acredita que uma nave espacial caiu em Roswell? Ou considera essa história uma lenda urbana?

Siga a página Curiosidades
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!