Anúncio
Anúncio

Ao ir ao banheiro no escuro durante a noite, a australiana Helen Richard , de 59 anos, acabou sendo picada por uma cobra que se escondia dentro do vaso sanitário. O caso ocorreu em Brisbane, na Austrália.

Richard contou à imprensa que assim que sentou no vaso sanitário sentiu uma picada afiada, o que a fez dar um pulo ainda com as calças abaixadas. Depois disso, ela disse ter olhado e pensado ser uma tartaruga de pescoço longo, mas depois de algum tempo se descobriu que na verdade se tratava de uma cobra da espécie píton-carpete, que media 1,5 metro. Para a sorte da australiana esta espécie de réptil não é venenosa.

Helen então fez uma ligação para uma tratadora, que foi resgatar o animal.

Anúncio

Chegando ao local, a tratadora Jasmine Zeleny descreveu a espécie píton-carpete como sendo extremamente inofensivas, e explicou que o réptil somente atacou Helen, por que se assustou e se sentiu ameaçada.

A tratadora ainda elogia o comportamento de Helen, dizendo que ela lidou muito bem com a situação. Quando Jasmine chegou ao local, Helen já havia se acalmado e até prendido o réptil para que não escapasse.

Helen Richard fez o uso de um antisséptico para tratar a mordida do animal. Mesmo a cobra não sendo venenosa, a tratadora aconselha que no caso de picada a vítima se vacine com a antitetânica.

Cobras tentam se refrescar em ondas de calor

Jasmine ainda explica que no período de calor, é normal que as cobras procurem um lugar fresco e com água para se refrescarem.

Anúncio

O que explica a píton dentro do vaso sanitário, já que nas últimas duas semanas, a Austrália vem sofrendo com uma onda extrema de calor.

Inclusive também nas duas últimas semanas, por causa do calor, foram registradas mortes em massa de vários Animais na região, como cavalos, morcegos e peixes.

Trabalhador é picado por cobra boca-de-sapo no Mato Grosso do Sul

Na noite da última quarta-feira (23), o trabalhador rural Moacir Alcântara de Souza, de 46 anos foi picado por uma cobra da espécie boca-de-sapo, em uma fazenda da zona rural de Coxim. A vítima foi encaminhada com fortes dores ao hospital da cidade.

Segundo policiais, o homem estava próximo a uma pilha de telhas quando foi picado no pé direito pelo réptil.

Anúncio

A vítima que não possui telefone na residência, diz ter conseguido avisar familiares através do WhatsApp, que logo acionaram socorro para o local.

Reclamando de fortes dores, o homem foi então encaminhado para o Hospital Regional Álvaro Fontoura Silva.

A espécie de cobra boca-de-sapo é venenosa e pode atingir um metro e meio. Seu veneno pode matar uma criança em questão de horas.