Um crime bárbaro aconteceu nos Estados Unidos na última sexta-feira (23). A terapeuta Michele Boudreau Deegan, de 55 anos, que trabalhava na área de saúde mental direcionada a adolescentes, adultos e casais, assassinou as duas filhas gêmeas enquanto elas dormiam.

Um colega de residência da terapeuta encontrou-a deitada em uma cama ao lado das filhas. Michele morava em Sudden Valley, nos Estados Unidos.

Investigações

Os investigadores responsáveis pelo caso trabalham com a hipótese de que a terapeuta matou as gêmeas enquanto elas dormiam e teria tirado a própria vida logo depois. O motivo dos assassinatos teria sido pela disputa da guarda das meninas.

Michelle atirou nas duas filhas e depois teria disparado contra si.

O fato foi noticiado nos Estados Unidos e rapidamente virou manchete ao redor do mundo. Os policiais responsáveis por atender o caso não deram maiores detalhes sobre o crime.

Vale ressaltar, porém, que a polícia informou que as investigações ainda estão em andamento e que essa situação foi realmente trágica. Em uma conversa com a imprensa local, Bill Elfo, delegado responsável pelas investigações do caso, afirmou ainda que tentam descobrir a real motivação que poderia levar uma mãe a fazer algo tão terrível.

De acordo com informações do jornal britânico Daily Mail, a terapeuta e seu ex-marido enfrentavam uma grande batalha judicial relacionada à guarda das filhas gêmeas.

Michele também teria sido vítima de agressões domésticas causadas pelo ex-companheiro, fato este que chegou a ser registrado em um boletim de ocorrência.

Redes sociais

Um dia antes de cometer o crime, a terapeuta publicou vários textos em suas redes sociais com tema "pais narcisistas" e a relação com o suicídio.

Uma de suas publicações dizia que pais narcisistas eram incapazes de amarem seus filhos. Além dos temas sobre narcisismo, Michele também levantou a pauta sobre paternidade em seus posts.

Carreira

Formada em psicologia, Michele Boudreau Deegan exercia a função de terapeuta. Suas terapias tinham como foco auxiliar seus pacientes a lidar de uma forma melhor com seus problemas, comportamentos e manter atitudes mais saudáveis.

Outro alvo de trabalho mencionado por Michelle em seu próprio site era a comunicação. Seu objetivo era de que os clientes aprimorassem a capacidade comunicativa com as pessoas relacionadas à sua vida, como familiares, colegas de trabalho e parceiros.

Siga a página Polícia
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!