Criticado no Carnaval do Rio de Janeiro, o presidente Jair Bolsonaro decidiu se pronunciar nesta terça-feira (25) sobre a folia que está acontecendo no país.

Bolsonaro foi ao Twitter publicar um vídeo no qual pessoas realizavam danças com a camisa do futuro partido que o político irá criar, denominado Aliança pelo Brasil. Nas imagens, é possível ver seus apoiadores dançando a música "Sorte Grande", da cantora baiana Ivete Sangalo. Na descrição de sua publicação, Jair Bolsonaro identificou aqueles que estavam manifestando apoio no “Bloco Aliança pelo Brasil”, dizendo que os militantes se encontravam na cidade de Balneário Camboriú, em Santa Catarina.

Após o feito, Bolsonaro decidiu surpreender milhares de pessoas ao postar uma foto compartilhada de um perfil de extrema-direita no Facebook. Na imagem, é possível ver bonecos gigantes do presidente e de alguns ministros de seu Governo. Ele também identificou os apoiadores, dizendo que o ato ocorreu na cidade de Olinda, Pernambuco. Bolsonaro agradeceu aos participantes pela consideração.

No entanto, não é possível identificar se as imagens publicados pelo presidente realmente se tratam do Carnaval deste ano.

No ano de 2019, Jair Bolsonaro causou um grande alvoroço ao publicar um vídeo aonde aparecia um homem urinando em outra pessoa na época das festas de Carnaval.

Mangueira critica 'Messias de arma na mão'

A mangueira, campeã do carnaval de 2019, decidiu novamente fazer críticas ao atual governo de Bolsonaro.

Com o samba enredo intitulado “A verdade vos fará livre”, uma paródia do versículo da Bíblia repetido sempre pelo político, o enredo traçou a história de Jesus Cristo e fez críticas ao fundamentalismo religioso.

A Rede Globo, que muitas vezes se vê criticada pelo governo, decidiu ignorar a manifestação. Na emissora, nenhum momento foi citado “Messias de arma na mão”, como era visto nas alegorias da escola de samba.

Acadêmicos de Vigário Geral exibe palhaço com faixa

A escola de samba Acadêmicos de Vigário Geral também decidiu fazer uma crítica ao governo atual, trazendo um boneco com aparência do palhaço Bozo, usando a faixa presidencial e fazendo o gesto de "L" com as mãos, em referência a uma arma. De acordo com as informações do jornal O Globo, as pessoas presentes no sambódromo se viram divididas, com aplausos e vaias.

Siga a página Fofocas
Seguir
Siga a página Jair Bolsonaro
Seguir
Siga a página Governo
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!