O presidente Jair Messias Bolsonaro está sempre envolvido em polêmicas nas redes sociais e dessa vez não foi diferente. O chefe do Governo postou no seu Instagram uma live onde um humorista caracterizado de sua pessoa desceu do carro que acompanha a escolta do presidente e foi até o público que estava no local e fez brincadeiras. Isso foi nesta quarta-feira (4), no Palácio da Alvorada.

Normalmente, o presidente Bolsonaro ao chegar no Palácio da Alvorada, acena, cumprimenta e às vezes conversa com seus apoiadores e jornalistas que o aguardam no local.

Estavam presentes o presidente e alguns chefes de secretarias do seu governo. Márvio Lúcio bastante conhecido como Carioca é humorista, repórter e radialista e foi ele quem saiu do carro que acompanhava o comboio, vestido de Bolsonaro, o humorista encontrava-se no mesmo veículo que estava alguns líderes do governo. Fabio, chefe da Secretaria de Comunicação Social abriu a porta do carro para Carioca descer, enquanto isso, o público observava toda movimentação no local.

Caixa de bananas

Carioca segurava em seus braços uma caixa com várias bananas e diante dos apoiadores e da imprensa que estavam ali, o humorista ofereceu a fruta a eles em referência a um gesto que segundo o jornal Extra, Bolsonaro já fez em outras ocasiões por duas vezes direcionado aos jornalistas.

Na matéria também diz que Carioca ao ser questionado se Bolsonaro teria pedido que ele oferecesse bananas para aquelas pessoas, ele respondeu: "Não vem com esse papo, não". Fazendo imitação do presidente.

Logo após a suposta brincadeira de Carioca, Jair Bolsonaro saiu do outro carro e chamou o comediante para perto dele como pôde ser visto no vídeo. O presidente começou a indagar o humorista sobre o crescimento do PIB (Produto Interno Bruto), que teve crescimento de 1,1% em 2019, menor taxa desde o fim da recessão.

Continuando ao lado do comediante, o presidente pediu a ele que respondesse sua indagação sobre o PIB. Respondendo a pergunta de Bolsonaro, Carioca perguntou o que seria PIB, fazendo-se de desentendido.

Um funcionário de ordens da Presidência teria registrado tudo que aconteceu naquele pátio, as falas do humorista e o dos demais que estavam por ali. Mais tarde o material foi divulgado na rede social de Bolsonaro.

Logo após o acontecido na porta do Palácio da Alvorada a maioria da imprensa se retirou do local.

Defensor

Márvio Lúcio sempre apoiou o governo Bolsonaro, no mês passado, ele saiu em defesa da atriz Regina Duarte em sua rede social, por coincidência a suposta brincadeira com as bananas, aconteceu no dia em que a ex-atriz da Globo tomou posse da Secretaria Especial da Cultura.

Na ocasião Márvio deu seu apoio a Regina, dizendo para ela, que poderia contar com seu apoio e que não se abalasse com as críticas.

Siga a página Jair Bolsonaro
Seguir
Siga a página Governo
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!