Maycon Douglas Pinto de Nascimento Adão, de 21 anos, é um cantor e dançarino. O jovem também é conhecido como MC Maylon e, na última quarta-feira (3), denunciou o cantor Anderson Leonardo, vocalista do grupo de pagode Molejo, por abuso. Em nota divulgada na noite de quarta, o músico negou o crime.

De acordo com o relato de MC Maylon ao portal G1, o crime teria ocorrido no mês de dezembro do ano passado, em um hotel em Sulacap, zona oeste do Rio de Janeiro. Em seu relato, Maycon Douglas afirmou que estava se sentindo mais forte para falar sobre o assunto. Ele afirmou que o vocalista do grupo Molejo era uma pessoa que ele “chamava de pai, de padrinho”.

Por meio de nota divulgada também na noite de quarta-feira por sua assessoria de imprensa em uma rede social, Anderson Leonardo afirmou não serem verdadeiros os fatos relatados por MC Maylon e que, em mais de três décadas de vida pública, nunca teve seu nome ligado a quaisquer atos criminosos que “viesse a desabonar ou macular a sua imagem e carreira”, tanto na vida pessoal quanto na vida profissional.

A divulgação do boletim de ocorrência que o cantor e dançarino fez na 33ª DP (Realengo) foram divulgadas primeiramente pelo colunista Alessandro Lo-Bianco, do site TV Prime, e posteriormente confirmadas pelo site G1.

Nem é preciso perguntar se MC Maylon era fã do cantor do grupo Molejo. O artista de 21 anos tem tatuado no antebraço a imagem do rosto de Anderson.

MC Maylon contou que a tatuagem do rosto de Anderson em seu antebraço foi sua primeira.

O cantor e dançarino relatou ao G1 que havia se encontrado com Anderson para uma reunião. Quando eles estavam no carro, se dirigindo para a reunião, Anderson teria alterado o destino e levado MC Maylon para um hotel. Ao chegar ao novo destino, o cantor disse que o pagodeiro começou a agredi-lo.

Maylon continuou seu relato dizendo que quando eles entraram, começaram as agressões por parte do vocalista do grupo de pagode Molejo. Anderson teria lhe dado um tapa no rosto e as agressões duraram por volta de uma hora. Maycon Douglas disse que nunca iria esperar essa atitude de Anderson. MC Maylon ainda declarou que sentiu muita dor quando Anderson o penetrou.

Em seu relato, Maylon ainda afirmou que Anderson o xingou e que disse que era uma "vergonha um via** de 21 anos ser virgem" e que agora o MC sabe se é um homem ou uma mulher.

Maylon divulgou um vídeo em uma rede social em que dizia que seu sonho era se casar virgem e que Anderson teria acabado com seu sonho. Em outra parte do vídeo, o artista contou que depois do suposto crime não usa mais maquiagem e ressaltou que foi agredido, inclusive com ofensas verbais no hotel. Maylon ainda incentivou que mulheres e homossexuais denunciem casos de abuso.

Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Polícia
Seguir
Siga a página LGBT
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!