Escrita por Carla Faour e Júlia Spadaccini, "Segunda chamada" é uma série da Rede Globo sob a coprodução da O2 Filmes que irá trazer a realidade da precariedade do ensino público brasileiro sob a direção artística de Joana Jabace, que estreia como diretora artística na emissora.

Na trama, protagonizada por Debora Bloch (Lúcia), que interpretará uma professora de português, e Paulo Gorgulho (Jaci), que interpretará o diretor da escola, cinco professores irão resistir as péssimas condições de ensino e trabalho proporcionadas pela péssima infraestrutura da escola.

Sob o abandono do poder público, os professores irão encontrar, em meio a convivência com os alunos, forças para seguirem em frente na luta por uma Educação de qualidade para todos aqueles alunos.

A nova série 'procedural' da Globo

Esse estilo de série não é muito comum no Brasil e até mesmo o termo que o intitula ainda é pouco conhecido por aqui: procedural. A palavra descreve justamente os seriados que são baseados em uma rotina profissional, onde temos alguns exemplos Famosos como "Grey's Anatomy", que narra a rotina de um grupo de jovens médicos em Seattle, ou até mesmo séries que relatam um ambiente policial, como "The Wire".

No Brasil temos a série "Sob Pressão", que relata a realidade de um hospital público no Rio de Janeiro. Seguindo na mesma linha, teremos "Segunda Chamada", que irá abordar o ambiente no meio educacional, narrando a realidade de professores e alunos que enfrentam o abandono em meio ao ensino público brasileiro.

Em meio à crise do sistema educacional brasileiro

A série irá estrear em outubro, em meio aos cortes e desmanches na educação brasileira.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Famosos Novelas

Apesar do governo federal ter anunciado o desbloqueio de cerca de R$ 2 bilhões no orçamento da pasta, o valor corresponde somente a metade do que tinha sido bloqueado anteriormente. Com isso, cerca de R$ 3,8 bilhões ainda estão congelados.

De acordo com o Ministro da Educação, Abraham Weintraub, tudo isso é culpa da má gestão dos governos anteriores, justificando os cortes atuais como necessários para evitar uma recessão maior futuramente.

O drama dos adultos que decidem voltar para a escola

"Segunda Chamada" será gravada exclusivamente em São Paulo, na antiga e abandonada escola particular Equipe, que passou por pequenas reformas para as gravações. Na ficção, a escola se chamará Carolina Maria de Jesus, em homenagem a uma das primeiras e mais renomadas escritoras negras do Brasil. A série irá retratar as dificuldades de alunos que, por algum motivo, tiveram de interromper seus estudos anteriormente e agora resolveram voltar a estudar na modalidade EJA (Ensino de Jovens e Adultos).

As cenas ocorrem predominantemente à noite, já que a maioria dos alunos trabalha durante o dia.

Em meio a uma difícil tarefa, Jaci (Paulo Gorgulho) será o diretor da escola. Além dele, Lúcia (Debora Bloch) irá trabalhar incansavelmente para que seus alunos tenham a oportunidade de garantir um futuro melhor para eles. Dividido em 11 episódios, cada um vai se focar na vida de um aluno, explorando as dificuldades que cada um enfrenta no seu dia a dia.

A cantora Linn da Quebrada irá estrear como atriz e irá interpretar a transsexual Natasha. Já Carol Duarte irá interpretar Solange, uma mãe solteira que precisa levar seu filho para escola, pois não tem com quem deixar. Um outro personagem principal será interpretado por Felipe Simas, o motoboy desempregado Maicon.

Com estreia prevista para outubro, Segunda Chamada promete ser mais uma grande produção da Rede Globo, esmiunçando a realidade do sistema educacional brasileiro em meio a crise que se intensificou nos últimos anos.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo