Uma das novidades do catálogo da Netflix é o filme de ficção científica "Sombra Lunar" ("In The Shadow of The Moon").

A produção é dirigida por Jim Mickle e tem no elenco: Boyd Holbrook, Bokeem Woodbine, Michael C. Hall, Cleopatra Coleman, Gabrielle Graham e Julia Knope.

A trama

O filme escrito por Gregory Weidman e Geoff Tock começa mostrando uma breve sequência ocorrida em 2024. Nessa sequência, é mostrado um cenário de destruição, algo como um atentado terrorista, para logo a seguir iniciar sua trama em 1988.

A trama iniciada no final da década de 1980 mostra a dupla de policiais Lockhart (Boyd Holbrook) e Madoxx (Bokeem Woodbine), que trabalham no turno da noite --contrariando a vontade da esposa do primeiro.

A dupla investiga uma série de mortes estranhas, em que pessoas aparecem mortas vitimadas por hemorragia interna e são encontradas em seus corpos três pequenos furos na parte posterior do pescoço.

A investigação leva os policiais a se depararem com situações cada vez mais bizarras.

A trama de "Sombra Lunar" é cheia de reviravoltas e tem um final inesperado que impede que muito mais seja explicado sobre sua história.

Embora tenha uma trama bem amarrada e seja recheada de reviravoltas interessantes, a produção poderia ter se beneficiado de uma duração um pouco menor --o longa-metragem tem 1h55--, pois sua história não traz nenhuma novidade para aqueles que gostam de filmes que falam sobre viagens no tempo.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Famosos Televisão

"Sombra Lunar" apresenta certa similaridade com, por exemplo, a franquia "Exterminador do Futuro", que trata de um momento no futuro em que é decidido que se deve voltar ao passado para se evitar um futuro sombrio.

Talvez tenha sido uma estratégia da Netflix lançar este filme agora, visto que dentro de poucas semanas, será lançado o filme "Exterminador do Futuro: Destino Sombrio".

'Sombra Lunar'

O título talvez possa causar estranheza em um primeiro momento, mas a explicação para este nome se dá pelo fato de que existe um ciclo lunar que ocorre de nove em nove anos e que permite que sejam feitas viagens no tempo.

Ambientado em várias épocas diferentes, talvez o período em que o filme mais tenha se saído melhor foi quando estava no ano de 1988, em que são mostradas muitas cenas de perseguição e uma boa química entre os dois policiais e o antagonismo desses com o detetive vivido por Michael C. Hall.

Por outro lado, a visita do longa aos anos de 1997, 2006, 2015 e por último, 2024 tornou-se um dos pontos fracos do filme, pois fez com que a trama se tornasse um pouco maçante e com o agravante de ter que envelhecer os personagens, neste quesito o filme deixou um pouco a desejar, pois a maquiagem dos atores não convenceu.

"Sombra Lunar" ensaia apresentar ideias interessantes para um tema revisitado diversas vezes pelo Cinema americano, mas fica só na promessa de algo realmente novo. Mesmo assim, o filme é um divertimento agradável.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo