Na época de seu lançamento, em 2006, pelo selo Wildstorm, que havia acabado de ser vendido pelo renomado desenhista e roteirista de quadrinhos Jim Lee para a DC Comics, "The Boys" causou polêmica.

A criação do escritor Garth Ennis, desenhada por Darick Robertson, tinha um humor ácido e em várias ocasiões de gosto duvidoso. A trama claramente tinha a intenção de mostrar uma versão distorcida dos membros da icônica equipe de super-heróis Liga da Justiça.

Expulsão

"The Boys" apresentava super-heróis narcisistas e corruptos. As situações absurdas que estes personagens eram colocados provocaram o banimento da obra na DC Comics e ela passou a ser publicada na Dynamite Entertainment.

Com este histórico de polêmicas, poucas pessoas acreditavam no potencial da obra.

Contudo, em julho de 2019, a Amazon Prime Video apostou no potencial deste polêmico universo e levou para o streaming a série "The Boys", que acabou se tornando um de seus principais produtos.

Entre os principais motivos do sucesso da série na Amazon está a estratégia usada pelo showrunner Eric Kripke e os produtores executivos Evan Goldberg e Seth Rogen que conseguiram adaptar muitas piadas e situações sem necessidade e também atualizaram a obra. Também ajudou a série a se tornar um fenômeno no streaming a química do elenco, e assim, "The Boys" se transformou em uma paródia divertida, (ainda que extremamente violenta) ao universo dos super-heróis no cinema e na TV que vemos atualmente.

Recapitulando

A trama mostra Hughie Campbell (Jack Quaid), um jovem comum que testemunha a morte de sua namorada que foi provocada por Trem-Bala (Jessie T. Usher), integrante da equipe de super-heróis os Sete, uma espécie de Liga da Justiça. A equipe faz parte de Vought Internationational, uma mega corporação.

Hughie encontra William “Billy” Butcher (Karl Urban), um ex-agente da CIA que tem ojeriza a qualquer indivíduo com superpoderes, especialmente o Capitão Pátria (Antony Starr). A trama então mostra a formação do "The Boys". O grupo é liderado por Butcher é formado por pessoas sem poderes que vão tentar desmascarar Os Sete.

Os Sete

Enquanto o já citado Capitão Pátria é uma versão corrompida do Superman, Profundo (Chace Crawford) reprensenta o Aquaman, Trem-Bala por sua vez é uma versão do Flash, enquanto Batman e Mulher-Maravilha são respectivamente reproduzidos na série como os personagens Dark Noir (Nathan Mitchell) e Rainha Maeve (Dominique Melligot). Luz-Estrela (Erin Moriarty) é uma personagem genérica na trama, assim como Translúcido (Alex Hassell).

A personagem de codinome Fêmea (Karen Fukuhara) pode ser vista como inspirada na adolescente X-23 da Marvel Comics, visto sua agressividade e seu impressionante fator de cura. A segunda temporada de The Boys estreará na Amazon Prime Video na sexta-feira (4).

Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Televisão
Seguir
Siga a página Opinião
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!