Chegou recentemente ao catálogo da Netflix a minissérie em 6 episódios “Por Trás de Seus Olhos” (Behind Her Eyes). A produção é protagonizada pelo trio: Simona Brown, Tom Bateman, Eve Hewson. No elenco ainda estão: Aston McAuley, o ator mirim Tyler Howitt, Charlotte Mills, Nichola Burley, Georgie Glen e Aston McAuley.

O showrunner da trama é Steve Lightfoot, que já trabalhou em “Narcos”, “Hannibal” e “Justiceiro”. A produção executiva é do próprio Lightfoot ao lado de: Andy Harries, Jessica Burdett e Suzanne Mackie. O showrunner também assina o roteiro em parceria com Angela LaManna. A direção de todos os episódios é de Erik Richter Strand.

A trama

Louise (Simona Brown) é uma jovem mulher divorciada que mora só com seu filho de sete anos Adam (Tyler Howitt). Ela marca um encontro em um bar com sua melhor amiga Sophie (Nichola Burley), mas a amiga da protagonista tem um problema e não comparece ao encontro, ela então manda uma mensagem para Louise dizendo que não poderá ir. A mãe solteira então decide ir embora, mas acaba esbarrando em um estranho, David (Tom Bateman) e os dois engrenam uma conversa agradável que acaba com um beijo e no final da noite cada um foi para seu lado.

Até aí não teria nenhum problema. Mas no dia seguinte ao ir trabalhar, Louise, uma secretária em um consultório psiquiátrico, descobre que seu novo chefe é justamente o homem quem se encantou na noite anterior.

Aqui se poderia reclamar da conveniência da situação, que já foi explorada em outras produções do gênero, também poderia se reclamar de uma inverossimilhança proposta pela obra, mas há também de se levar em consideração que a vida real é muitas vezes sem criatividade e que situações esdrúxulas como essa acontecem. É uma pena esse não ser o pior problema de Por Trás de Seus Olhos”.

A situação fica ainda mais constrangedora quando Louise descobre que David é casado, sem ação, ela se esconde do novo psiquiatra que levou a esposa Adele (Eve Hewson) para conhecer seu novo local de trabalho. Quando finalmente Louise conversa com seu novo chefe, os dois lamentam a situação e decidem que irão manter um relacionamento estritamente profissional, obviamente que isso não aconteceu, os dois acabam dando inicio a um caso extraconjugal.

A situação de Louise se torna ainda mais desconfortável quando ela dá inicio a uma relação de amizade com a esposa de David.

A trama se divide em dois momentos, o presente em que a mãe solteira tem um caso com seu chefe e mantém uma relação de amizade com a esposa deste, e o passado do casal. É mostrado que Adele é uma mulher rica que quando era mais jovem passou por problemas psiquiátricos que a levaram a ser internada em uma instituição para doentes mentais e viciados.

Lá ela conhece Robert (Aston McAuley), os dois desenvolvem um forte vínculo de amizade. Enquanto Adele é uma jovem de família rica, “Rob” é um homossexual viciado em drogas ilícitas que tem uma vida difícil na periferia, a orientação sexual do personagem é relevante para o surpreendente desfecho da trama.

Mistérios

Adele acabou indo parar na instituição para pacientes com problemas psiquiátricos por causa de um trágico acidente em sua vida, seus pais morreram em um incêndio, a série levanta suspeitas de que foi a própria Adele quem provocou o incêndio que acabou por matar seus pais.

David foi quem salvou a vida da jovem no incêndio. Mas até isso a série põe em dúvida, pois apesar de ser oque a série diz por meio de uma noticia de jornal e falas da própria Adele, David conta uma história diferente sobre a enorme queimadura que tem em um dos braços.

No presente, a trama mostra que o casamento de David e Adele é somente de aparências, enquanto o marido mal consegue disfarçar o quão se sente aprisionado naquela relação a esposa mostra um comportamento obsessivo em relação ao parceiro.

As cenas de flashback do passado do casal, e também de Rob ajudam a entender como eles chegaram ao ponto atual.

Louise por sua vez toma uma atitude condenável, se envolveu com um homem casado e ainda se tornou amiga da esposa de seu amante. Até este ponto a trama que é uma adaptação do livro de Sarah Pinborough publicado em 2017, parece ser mais uma produção da plataforma de streaming que envolve mistério, romance, cenas mais apimentadas de relações sexuais e tramas recheadas de plot twists. Mas a produção apresenta uma reviravolta surpreendente que envolve elementos sobrenaturais.

O problema de “Por Trás de Seus Olhos” é achar que um final tão inesperado irá fazer com que a obra ganhe o público, “O Sexto Sentido” (1999) não se tornou uma obra marcante somente por seu final espetacular.

O filme de M. Night Shyamalan constrói uma trama consistente que é coroada com o bom final. O que não é caso dessa minissérie da Netflix, que a julgar pelo seu final, não seria difícil imaginar que poderia vir uma segunda temporada.

Siga a página Seriados
Seguir
Siga a página Opinião
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!