Chegou ao catálogo da Netflix a produção “Esquadrão Trovão” (Thunder Force). Estrelado por Melissa McCarthy e Octavia Spencer, o elenco conta ainda com as presenças de Jason Bateman e Bobby Cannavale. O filme é escrito e dirigido por Ben Falcone, que tem uma pequena participação na trama.

Origem

A trama informa que um pulso de raios cósmicos interestelares atingiu o planeta Terra e provocou mudanças genéticas em certos indivíduos. Infelizmente eram pessoas com predisposição genéticas para se tornarem psicopatas, que desenvolveram habilidades sobre-humanas e passaram a atuar como supervilões, em um mundo sem super-heróis.

É neste contexto que no início dos anos 1980 as pré-adolescentes Emily (McCarthy) e Lydia (Spencer) se conhecem na escola e se tornam melhores amigas. Enquanto Emily é uma garota que está mais interessada em curtir a vida, Lydia é uma jovem brilhante e introspectiva, cujo objetivo é se tornar uma geneticista e terminar a pesquisa de seus pais. Os dois eram geneticistas e se dedicaram a desenvolver uma fórmula que desse para pessoas comuns habilidades para que pudesse combater os “meliantes”, como são chamados os grupos de vilões da trama. Porém, os pais de Lydia morrem em um evento provocado pelos meliantes, daí a motivação da personagem.

As jovens vão para a faculdade e é nesse ponto que elas brigam e se distanciam, então o filme chega aos dias atuais e mostra que Lydia se tornou a geneticista que sempre quis ser, e dona de uma grande empresa, enquanto Emily trabalha dirigindo empilhadeiras.

Após Lydia não comparecer a um evento de reunião dos alunos de escola, Emily decide ir buscá-la, pois ainda que elas estivessem anos sem se ver, mantinham certo contato por telefone. Quando chega ao escritório de Lydia, acidentalmente Emily acaba participando do experimento desenvolvido pela amiga para dar super poderes a seres humanos comuns.

O processe foi divido em duas etapas, em que em uma das fases do projeto científico o voluntário iria ganhar super força e na outra etapa ganharia a habilidade de se tornar invisível. A intenção de Lydia era que ela própria fosse a cobaia de seu experimento, mas Emily participou do evento e ganhou super força, cabendo à geneticista ficar com o poder da invisibilidade, e assim surgiu o Esquadrão Trovão.

Roteiro

Não dá para negar que o roteiro de Ben Falcone é problemático, com várias situações, mesmo em se tratando de uma comédia, poderiam ser tratadas de maneira diferente, como por exemplo, a falta de sentido que é o laboratório onde Lydia faz os testes de sua fórmula ser exatamente ao lado de seu escritório.

Surpresas

A trama não apresenta absolutamente nada de novo, todas as reviravoltas que o roteiro pretende mostrar são facilmente adivinhadas pelo público, além de atores famosos que parecem estar desconfortáveis, como a protagonista Octavia Spencer e o ator Jason Bateman.

Ainda que esteja no top 10 da Netflix “Esquadrão Trovão” vem dividindo opiniões. Se por um lado há os que acham que é um filme tipo "Sessão da Tarde", que não se leva a sério, há também aqueles que reclamam do desleixo de seu roteiro.

No final das contas, o longa-metragem é um veículo feito para Melissa McCarthy se destacar com seu humor físico, e a atriz dá conta do recado.

Siga a página Televisão
Seguir
Siga a página Seriados
Seguir
Siga a página Opinião
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!