Nesta sexta-feira (08), o Brasil comemorou o Dia Internacional da Mulher, fato também comemorado oficialmente em diversos países. No país, grande comoção e atos políticos e sociais marcaram o evento. Os brothers confinados na casa mais famosa da TV brasileira não ficaram de fora e renderam suas homenagens, mas a Globo não mostrou o brinde à ex-vereadora Marielle Franco, assassinada no Rio de Janeiro no dia 14 de março de 2018. O motorista da vereadora, Anderson Gomes, também morreu no atentado.

A edição do programa que foi ao ar nesta sexta-feira, deixou claro que os confinados sabiam que estavam vivendo o Dia Internacional da Mulher, celebraram a data e muitas referências à comemoração foram feitas.

Publicidade

A primeira menção ao evento no BBB 19 foi feita durante a conversa matinal no confessionário, quando Gabriela, Paula, Elana, Rizia e os três homens que ainda permanecem na casa, Darnley, Rodrigo e Alan, abordaram o tema.

A edição mostrou nova menção ao tema

Durante a tarde, os brothers fizeram nova menção à data festiva. Juntos à mesa, Gabriela propôs um brinde, Tereza questionou: "A nós mulheres?", Elana então respondeu que sim, e sugeriu que os presentes gritassem, mas Gabriela disse que não queria gritar a frase "feliz dia das mulheres" e sugeriu excluí-la.

Carolina entendeu o teor e sugeriu que gritassem apenas "Às mulheres"! Em seguida, Gabriela fez referência a líder quilombola Dandara dos Palmares gritando: "À luta! Dandara!”. Elana, aos gritou, declarou que: “juntas as mulheres são mais fortes.”

A edição do BBB 19 deixa de fora a homenagem à Marielle

Quem acompanhou o reality pelo pay per view durante a celebração, viu que os brothers fizeram um brinde à vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ), assassinada a tiros no Rio de Janeiro há quase 1 ano.

Publicidade

O momento ocorreu na sequência ao brinde, ainda na mesa do almoço. Quando Danrley gritou "Marielle", logo foi acompanhado por Gabriela, que sorriu e repetiu o nome da homenageada. Rodrigo ainda acrescentou: "Marielle presente!".

No entanto, os fãs do reality show que acompanham o programa pela Rede Globo não puderam assistir à cena, pois a edição desta sexta-feira mostrou apenas a conversa entre Rizia e Rodrigo, que não estavam à mesa com os demais participantes. Os dois falavam sobre a prova do líder, enquanto o restante do grupo fazia a referência a Marielle Franco.

O crime completará 1 ano no próximo dia 14 e as autoridades ainda não concluíram o inquérito. A sexta-feira foi marcada por manifestações na cidade do Rio de Janeiro, e a sociedade cobra a solução do caso.